Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

ARTES CÊNICAS

“Enchente” cumpre nova temporada no Teatro Arraial Ariano Suassuna

O espetáculo inicia temporada nesta sexta-feira (3) e segue em cartaz até o dia 18/6

Danilo Galvão/Divulgação

Danilo Galvão/Divulgação

O espetáculo é inspirado no conto de Hermilo Borba Filho

De 3 a 18 de junho, o Teatro Arraial Ariano Suassuna abre suas portas para a mais nova temporada do espetáculo “Enchente” na capital pernambucana. A montagem, que integra a política de ocupação do equipamento cultural gerido pela Secult-PE/Fundarpe, é inspirada no conto homônimo do autor pernambucano Hermilo Borba Filho e propõe, em cena, uma performance colaborativa que mistura várias linguagens, através de tarefas e jogos de improvisação. Além disso, há imagens em movimento de diferentes cineastas experimentais, cruzadas com imagens de arquivo pessoal e dos arquivos públicos do Recife.

“Trabalhamos com os acervos e a falta deles. Essas ausências foram importantes porque o que não encontramos serviu para pensarmos outras possibilidades, como, por exemplo, a de imaginar Hermilo na foto de um menino em um engenho, ou usar registros de cheias no Recife e em Palmares para fortalecer esse universo poético”, contou a diretora do espetáculo, Flávia Pinheiro, numa recente entrevista ao Jornal do Commercio.

De acordo com ela, a enchente do texto original se mostra como metáfora para as catástrofes migratórias e econômicas, a globalização da indiferença e o fracasso do mundo capitalista desenvolvido. “Pretendemos recontar essa história através da materialidade das imagens, e de sua transparência utilizando material de arquivo encontrado para produzir conteúdos que problematizam e ampliam a catástrofe natural”, contou Pinheiro.

O espetáculo se constrói a a partir de procedimentos de criação que envolvem restrições e obstruções de movimentos e alguns jogos com regras e materiais. As relações entre os corpos questionam as hierarquias e ampliam suas possibilidades ao realizarem tarefas de improvisação. “É uma performance que propõe um olhar menos óbvio sobre cenas aparentemente banais, mas carregadas de significados”, conclui Flávia. A montagem fica em cartaz no Teatro Arraial até o dia 18 de junho, às sextas e sábados, sempre às 20h. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).

Serviço
Espetáculo “Enchente”
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna (R. da Aurora, 457 – Boa Vista, Recife – PE)
Quando: 03 a 18 de junho (sextas e sábados), às 20h
Quanto: R$ 20 (inteira) | R$ 10 (meia-entrada)

< voltar para home