Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

AUDIOVISUAL

Mostra Ambiental do Recife leva filmes sobre o tema ao Cinema São Luiz

Programação é gratuita e começa às 17h

Divulgação

Com foco na mobilidade urbana, a segunda edição da Mostra Ambiental do Recife – MARÉ tem início nesta segunda-feira (14) e segue até o próximo sábado (19), numa programação espalhada em vários espaços da cidade. Nesta segunda, (14) dois filmes e uma curta serão exibidos no Cinema São Luiz dentro da programação da MARÉ: o documentário sueco BikesvsCarros, de Fredrik Gerten; a produção Índios Zoró – antes, agora e depois?, do realizador baiano Luiz Paulino dos Santos; e o curta pernambucano Sobre a faixa, da Jacaré Vídeo. A sessão começa às 17h e a entrada é gratuita.

Além do Cinema São Luiz, a MARÉ ocupa com diversas atividades outros espaços da cidade, como o Teatro do Parque, Jardim Botânico, UFPE, Estação Central do Recife e Recife Antigo.

Para facilitar o acesso de quem for ao Cinema São Luiz nesta segunda-feira (14), a organização da mostra, em parceria com a AMECICLO, instalou um bicicletário no equipamento cultural. A questão do uso de bicicletas no dia a dia é tratada no filme BikevsCarros, que teve première internacional em março de 2015 e está pautando discussões em vários países. Entre os participantes do longa está a arquiteta e urbanista brasileira Raquel Rolnik e a jornalista Aline Cavalcante (blog Vá de Bike).

Inédito no Recife, o longa Índios Zoró – antes, agora e depois? estreou em janeiro no Festival de Tiradentes, com ótima repercussão. Após a sessão haverá debate com Vincent Carelli (Vídeo nas Aldeias), Tiago Melo (produtor do longa) e Luiz Paulino, 83 anos, ele próprio um patrimônio do cinema brasileiro, tendo sido um dos roteiristas do seminal “Barravento” (1961), de Glauber Rocha.

Além dos filmes a serem exibidos no São Luiz, a programação completa da Mostra Ambiental do Recife conta com 34 curtas-metragens, cinco deles inéditos no Recife e espalhados nos outros espaços que recebem a mostra.

Discussões sobre a mobilidade

Na quarta-feira (16), na área externa do Centro de Artes e Comunicação/UFPE, haverá um sarau ambiental com exibição de filmes e debate com o tema “A cidade que queremos: os desafios da mobilidade urbana”. Participam do encontro Cida Pedrosa, secretária de Meio Ambiente da Prefeitura do Recife, o arquiteto Luiz Carvalho, do InCiti – Pesquisa e Inovação para as Cidades/Parque Capibaribe, Ricardo Rogo, do projeto Ecobike, e Pedro Paes Barreto dos Santos, da Ameciclo.

O sarau na UFPE vai contar com a presença do trio de poetas Gleison Nascimento, Luna Vitrolira e Thiago Martins, que “performiza” poemas autorais e de escritores consagrados no corpo, na música e na voz, para brindar a cidade, refletir sobre o caos e as mazelas urbanas e evocar a sustentabilidade.

No dia 17, na Estação Central, o poema de Manoel de Barros, Pássaro de Barro vai servir de inspiração para os poetas Adélia Oliveira, Rafael Ferraz e os músicos Serafim Neto e Idaiane dos Santos. A performance traz reflexões sobre desvios e aprendizados na natureza humana. No dia 18, ainda na Estação Recife, Mariane Bigio, Susana Morais e os músicos Diego Gibran e Milla Bigio entram no clima da Literatura de Cordel, com reflexões e críticas sociais sobre o Recife, o Capibaribe, a vida citadina e o meio ambiente.

Cineclube RuaPE

Em parceria com a MARÉ, o cineclube preparou programa especial com quatro curtas que dialogam com o tema da mostra, dois deles inéditos no estado. Esta é a primeira ação continuada do movimento #CineRuaPE, fundado em novembro de 2015 no ensejo de reunir esforços, promover atividades, estratégias e a conscientização da importância de se preservar os poucos cinemas de rua que restam no Estado. A sessão será na terça (15), às 18h30 em frente ao Cineteatro do Parque, na Rua do Hospício, seguida de debate com os realizadores Petrônio Lorena e Antônio Carrilho.

Hora do Planeta

No sábado (19), a MARÉ participa da Hora do Planeta, ato simbólico organizado pela World Wildlife Fund (WWF), que busca alertar as pessoas do mundo sobre a importância de proteger o planeta contra os impactos ambientais.

Às 18h, haverá sessão especial cineclubista no Inciti (Rua do Bom Jesus, 191 – Recife Antigo), seguida pela Hora do Planeta, com Pedalada Sustentável e exibição de curtas, entre eles o resultado das oficinas de sensibilização ambiental e animação stop-motion, respectivamente ministradas por Daniele Carvalho e Bruno Cabús.

Serviço
II Mostra Ambiental do Recife – MARÉ
Segunda (14/03) | 17h
Cinema São Luiz (Rua da Aurora, 175, Boa Vista, Recife-PE)
Gratuito

Programação da II Mostra Ambiental do Recife – MARÉ

Segunda-feira (14/03)

17h – Sobre a faixa (doc, PE, 2015, cor, HD, 2’18), de Jacaré Vídeo
Bike vs. Carros (doc, Suécia, 2015, cor, HD, 90’), de Fredrik Gerten + debate
19h30
Índios Zoró – antes, agora e depois? (doc, PE, 2016, cor, HD, 70’), de Luiz Paulino dos Santos*estreia no Recife; debate com diretor, o produtor Tiago Melo e o realizador Vincent Carelli (Vídeo nas Aldeias)

Terça-feira (15/03)

Jardim Botânico do Recife (Curado)
Mostra de curtas e bate papo
9h – Vrruummm!! (fic, SP, 2003, cor, 5’), de Paula Dager
A ilha (fic, ,SP, 2009, cor, digital, 8’48’’), de Alê Camargo
Carreto (fic, BA, 2009, cor, 35mm, 12’), de Cláudio Marques e Marília Hughes
Miss&Grubs  (fic, SP, 2015, cor, HD, 9’), de Jonas Faria Brandão e Camila Kamimura
Dia Estrelado (fic, PE, 2011, cor, 35mm, 17’), de Nara Normande
Não custa nada (fic, RJ, 2014, cor, HD, 13’), de Edu Pereira *estreia no Recife
10h – A cena e a cana (PE, 2014, animação, cor, digital, 2’22’’), resultado da oficina de animação stop-motion da 4ª Mostra Canavial de Cinema, ministrada por Bruno Cabús e Paulo Leonardo
Poesia Animada (fic, PE, 2014, cor, HD,3’13’’), resultado da oficina de stop-motion da 1ª Mostra Cinema na Mata, ministrada por Quiá Rodrigues e Gabi Saegesser
Cordilheira de amora II (doc, MS, 2015, cor, HD, 12’), de Jamille Fortunato*estreia no Recife
Olinda limpeza (fic, PE, 2014, cor, HD, 6’), de Lula Gonzaga
Dia Estrelado (fic, PE, 2011, cor, 35mm, 17’), de Nara Normande
Não custa nada (fic, RJ, 2014, cor, HD, 13’), de Edu Pereira*estreia no Recife
Vrruummm!! (fic, SP, 2003, cor, 35mm, 5’)
A ilha (fic, ,SP, 2009, cor, digital, 8’48’’), de Alê Camargo

Cineclube CineRua
(Rua do Hospício, em frente ao Teatro do Parque)
18h30 – Homem na estrada (fic, SP, 2015, cor, digital, 13’), de Felipe Terra*estreia no Recife
Calma Monga, Calma! (fic, PE, 2011, cor, 16mm, 18’24’’), de Petrônio de Lorena
Poeta Urbano (fic, PE, 2012, cor, 35mm, 16’31’’), de Antônio Carrilho
João Batista (doc, MG,2015, cor, HD, 23’), de Rodrigo Resende Meirelles*estreia no Recife

Quarta-feira (16/03)

Área externa do CAC / UFPE(Cidade Universitária)
17h – Sarau Ambiental
18h – Mostra de Curtas – 24’15’’
Ciclo Ativo (doc, PE, 2016, cor, HD, 6’), de Jacaré Vídeo
Cidade Líquida (doc, AL, 2015, cor, HD, 12’), de Laís Araújo
Capibaribe (doc, PE, 1981, cor, super8, 6’15’’), de Fernando Spencer
18h30- Debate “A cidade que queremos: os desafios da mobilidade urbana” com participação de Cida Pedrosa (Secretária de Meio Ambiente da Prefeitura do Recife), o arquiteto Luiz Carvalho (InCiti – Pesquisa e Inovação para as Cidades / Parque Capibaribe), Ricardo Rogo (Ecobike) ePedro Paes Barreto dos Santos (Ameciclo).

Quinta-feira (17/03)

Estação Central do Recife (São José)
17h – Sarau Ambiental
18h – Mostra de Curtas – 92’
Centro, organismo vivo (doc, AL, 2013, cor, HD, 10’34’’), de Aldemir dos Reis, Diogo Cardoso, Eduardo Pereira, Elias Gonzaga, Laysa Menezes, Paulo Luna*estreia no Recife
Bike Gelo Baiano (doc, PE, 2015, cor, HD, 2’18), de Jacaré Vídeo
O paradoxo da espera do ônibus (fic, RJ, 2007, cor, digital, 3’), de Christian Caselli
O fim dos carros (doc, PE, 2015, cor, HD, 3’40’’), de Jacaré Vídeo
A Copa do Mundo no Recife (doc, PE, 2014, cor, HD, 15’), de Kleber Mendonça Filho
Engano (fic, RJ, 2008, cor, digital, 11’), de Cavi Borges
Eficiência sobre rodas (doc, PE, 2015, cor, HD, 5’51), de Jacaré Vídeo
Miró – preto, pobre, poeta e periférico (doc, PE, 2008, cor, digital, 19’), de Wilson Freire
Dia de fúria (PE, 2015, documentário, cor, HD, 3’), de Jacaré Vídeo
Fragmentos de uma cronologia inerte (doc, PE, 2013, cor, HD, 8’), de Lucas Simões
Linear (SP, 2014, animação, cor, digital, 6’), de Amir Admoni
No caminho do bem (PE, 2015, documentário, cor, digital, 3’24’’), de Jacaré Vídeo

Sexta-feira (18/03)

Estação Central do Recife (São José)
17h- Sarau Ambiental
18h – Mostra de Curtas – 90’
Ciclo Ativo (doc, PE, 2016, cor, HD, 6’), de Jacaré Vídeo
Linear (fic, SP, 2014, cor, HD, 6’), de Amir Admoni
Clave dos Pregões (doc, PE, 2015, cor, HD, 15’), de Pablo Nóbrega
Bike Gelo Baiano (doc, PE, 2015, cor, HD, 2’18), de Jacaré Vídeo
Cidade Líquida (doc, AL, 2015, cor, HD, 12’), de Laís Araújo
Andarilho (doc, PE, 2015, cor, HD, 5’08), de Jacaré Vídeo
Praça Walt Disney (doc, PE, 2011, cor, HD, 21’), de Renata Pinheiro e Sergio Oliveira
Travessia (doc, PE, 2015, cor, HD, 3’15’’), de Jacaré Vídeo
Recife de dentro pra fora (doc, PE, cor, 35mm, 15’30’’), de Kátia Mesel
No caminho do bem (doc, PE, 2015, cor, HD, 3’24’’), de Jacaré Vídeo

Sábado (19/03)

Recife Antigo
INCITI (Rua do Bom Jesus, 191)
18h – Sessão cineclubista

Marco Zero
20h30 – Hora do Planeta: Pedalada Sustentável com exibição de curtas + resultado das oficinas de sensibilização ambiental e animação stop-motion
22h – Festa no Café Castro Alves (Rua do Lima, 280 – Santo Amaro)

 

< voltar para home