Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

AUDIOVISUAL

Premiada animação japonesa “O Mundo dos Pequeninos” é exibida no Cineteatro Guarany

Divulgação

Divulgação

Dirigida por Hiromasa Yonebayashi, “O Mundo dos Pequeninos” será exibida nesta quinta-feira (17), às 16h

O Cineteatro Guarany, em Triunfo, preparou uma programação especial para este final de semana. Além de O Silêncio da Noite é Que Tem Sido Testemunha das Minhas Amarguras (2016) Kiriku (1998), que já estavam em cartaz desde a semana passada, mais três estreias compõem a grade de filmes do equipamento cultural, gerenciado pela Secult-PE/Fundarpe: O Mundo dos Pequeninos (2010), O Homem da Lua (2012) e Os Guarda-Chuvas do Amor (1964).

Dirigido por Hiromasa Yonebayashi,  O Mundo dos Pequeninos (2010) é baseado no romance de Mary Norton e conta a história de Arrietty, uma pequena jovem que vive sob o assoalho de uma casa. Ela finalmente se torna amiga de Sho, um garoto humano com um problema cardíaco desde o nascimento que vive com sua tia-avó, Sadako. Quando a empregada de Sadako, Haru, resolve tocar o assoalho da casa, Arrietty e sua família devem escapar mesmo que isso signifique sair de sua casa amada. Lançado no dia 17 de julho de 2010 no Japão, a animação recebeu críticas muito positivas, sendo a maior bilheteria japonesa daquele ano.

Divulgação

Divulgação

A animação mostra a saga do Homem da Lua em busca de sobrevivência na Terra

De Stephan Schesch e Sarah Clara Weber, O Homem da Lua vive sozinho neste grande satélite. Um dia, entediado, ele decide visitar a Terra, e para isso se agarra em um cometa. Quando chega ao novo planeta, ele se encanta com as belezas naturais, mas logo descobre que não existe apenas bondade neste local. O Presidente do Mundo, certo de que o Homem da Lua é um invasor, decide afugentá-lo. Para se salvar, ele conta com a ajuda dos amigos e das crianças, que tanto adoravam ver o Homem da Lua lá do céu, todas as noites.

Divulgação

Divulgação

Os atores Nino Castelnuovo e Catherine Deneuve estrelam o longa “Os Guarda-Chuvas do Amor”, que levou a Palma de Ouro de Melhor Filme no Festival de Cannes em 1964

Dirigido por Jacques Demy, o musical Os Guarda-Chuvas do Amor (1964) conta a história da jovem e bela, Geneviève, vivida por Catherine Deneuve, que se apaixona pelo mecânico Guy (Nino Castelnuovo). Contudo, a mãe deseja que a filha se case com um homem rico, na esperança de saldar suas próprias dívidas. O filme foi o vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes e é altamente considerado um dos melhores musicais de todos os tempos.

Confira abaixo os trailers, mais informações sobre as sessões e programe-se! O ingresso custa R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia-entrada). Às quintas-feiras, os filmes, em parceria com o Sesc, são exibidos gratuitamente. Curta a página do Cineteatro Guarany no Facebook  e acompanhe todas as novidades.

O Cineteatro Guarany integra o Cine de Rua, programa que visa revitalizar e reativar os cinemas de rua no Estado, em especial, nas cidades do interior. A iniciativa é desenvolvida pelo Sistema Secult & Fundarpe, em parceria com o movimento Cine Rua, a Prefeitura Municipal de Triunfo, o Sesc Triunfo – PE e o Consulado Geral da França no Recife/Institut Français Brasil.

O MUNDO DOS PEQUENINOS
(KARI-GURASHI NO ARIETTI, Japão, 2010, 94min.)
Gênero: Animação | Direção: Hiromasa Yonebayashi
Classificação Etária: Livre
Sinopse: Nos subúrbios de Tóquio, sob o assoalho de uma casa velha, Arrietty (Saoirse Ronan) vive em seu minúsculo mundo com a família, fazendo de tudo para manter em segredo a existência de todos. Sobrevivendo como pequenos ladrões, eles conhecem as regras para que nunca sejam percebidos pelos verdadeiros – e grandes – donos da casa. Para isso, procuram manter a desconfiança deles em cima dos gatos e ratos e tomam todos os cuidados possíveis para evitar de serem vistos. Contudo, quando um jovem rapaz se hospeda na casa, a pequenina Arietty acredita que poderá manter uma amizade com ele, apesar da diferença dos tamanhos.
Dias e horários: quinta-feira (17), às 16h.

O HOMEM DA LUA
(MOON MAN, França/Irlanda/Alemanha, 2012, 95min.)
Gênero: Animação | Direção: Stephan Schesch, Sarah Clara Weber
Classificação Etária: Livre
Sinopse: O Homem da Lua vive sozinho neste grande satélite. Um dia, entediado, ele decide visitar a Terra, e para isso se agarra em um cometa. Quando chega ao novo planeta, ele se encanta com as belezas naturais, mas logo descobre que não existe apenas bondade neste local. O Presidente do Mundo, certo de que o Homem da Lua é um invasor, decide afugentá-lo. Para se salvar, ele deverá contar com a ajuda dos amigos e das crianças.
Dias e horários: quinta-feira (17), às 19h30.

OS GUARDA-CHUVAS DO AMOR
(LES PARAPLUIES DE CHERBOURG, Alemanha Ocidental/França, 1964, 91min. Legendado)
Gênero: Comédia Musical | Direção: Jacques Demy | Elenco: Catherine Deneuve, Nino Castelnuovo, Marc Michel
Classificação Etária: 12 anos
Sinopse: Cherbourg, 1957. Guy Foucher (Nino Castelnuovo) é um jovem de 20 anos que foi criado pela madrinha e trabalha como mecânico de carros. Ele é apaixonado por Geneviève Emery (Catherine Deneuve), uma adolescente de 17 anos que ajuda sua mãe viúva no negócio da família, uma loja de guarda-chuvas elegante, mas pouco lucrativa. Geneviève também o ama, mas sua mãe acha que ela é muito nova para casar e não vê como Guy pode manter uma família. Ele é convocado para o serviço militar e ela descobre estar grávida. Surge o dilema: esperar o retorno do amado ou seguir adiante?
Dias e horários: sexta-feira (18), às 20h | sábado (19), às 18h30 | domingo (20), às 16h30 e às 20h.

KIRIKOU
(KIRIKOU ET LA SORCIÈRE, França/Luxemburgo, 1998, 71 min. Legendado)
Gênero: Animação | Direção: Michel Ocelot
Classificação Etária: Livre
Sinopse: Exemplar sofisticado da animação europeia contemporânea, este desenho animado traz o fascínio da tradição africana numa história que celebra a coragem, a curiosidade e a astúcia. Baseado num conto da África Ocidental sobre uma comunidade subjulgada por uma terrível feiticeira contra a qual o pequeno Kirikou luta para preservar sua aldeia das forças do mal. Um gênero inovador, oposto aos estúdios Disney, com imagem e música originais.
Dias e horários: sexta-feira (18) e domingo (20), às 18h30 | sábado (19), às 16h30.

O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS
(Brasil, 2016, 79min.)
Gênero: Documentário | Direção: Petrônio Lorena
Classificação Etária: 16 anos
Sinopse: A poesia da vida cotidiana das pessoas que vivem nas cidades de São José do Egito e Ouro Velho e Prata, que fazem fronteira com Pernambuco e Paraíba, respectivamente. Um povo cercado por histórias poéticas e de cantoria. Uma memória aos vates do sertão que enche o local com música e poesia.
Dias e horários: sábado (19), às 20h15.

< voltar para home