Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Cultura popular e artesanato

Canjerê dos Pretos Velhos celebra tradição da Umbanda em Pernambuco

Evento é aberto ao público e acontece no domingo (17), no terreiro Ylê Asé Ayrá Ibona.

Fomentando os rituais de Umbanda existentes em Pernambuco, o terreiro Ylê Asé Ayrá Ibona realiza no próximo domingo (17), no Cabo de Santo Agostinho, o seu tradicional Canjerê. A atividade é aberta ao público interessado e se inicia pontualmente às 13h, sendo um banquete que acontece durante o mês de maio, em homenagem às entidades espirituais classificadas como Pretos Velhos.

Na ocasião, haverá uma sessão de consulta às entidades que se manifestarem, no intuito de também benzer os participantes. Segundo Lourdes Campelo, ekedi do terreiro Ylê Asé Ayrá Ibona, o Canjerê é promovido na comunidade Pirapama há seis anos e também é um momento que visa possibilitar aos participantes um encontro com seus guias espirituais africanos.

“Além de propiciar uma ocasião destinada a bênçãos e consultas, nossa principal mensagem com esta realização visa passar três pontos relacionados às práticas da Umbanda. A consulta a um Preto Velho exige, sobretudo, o respeito especialmente pelo idoso e toda sua sabedoria. A partilha dos alimentos simboliza a comunhão entre todos os envolvidos no terreiro e na comunidade. E em relação às curas, podemos considerar uma das principais funções dos Pretos Velhos, tanto aos enfermos que buscam um amparo espiritual, como o auxílio para a realização de partos na comunidade”, ressaltou Lourdes Campelo.

O Canjerê acontece na sede do terreiro Ylê Asé Ayrá Ibona, localizada na Rua Doralino Pereira de Araújo, nº 37, bairro de Pirapama, no Cabo de Santo Agostinho.

Serviço:
Canjerê dos Pretos Velhos
Quando: domingo, 17 de maio
Horário: a partir das 13h
Local: Rua Doralino Pereira de Araújo, nº 37, bairro de Pirapama, Cabo de Santo Agostinho/PE.
Acesso gratuito

< voltar para home