Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Cultura popular e artesanato

Coco de Toré Pandeiro do Mestre volta aos palcos neste sábado (1º), em Olinda

Apresentação acontece a partir das 20h, no espaço cultural Odara Comedoria

Divulgação

*Com informações da assessoria

Após um longo hiato, o Coco de Toré Pandeiro do Mestre realiza show no Sítio Histórico de Olinda, neste sábado (1°), no espaço cultural Odara Comedoria, localizado no Sítio Histórico da cidade. Apesar de longe dos palcos, o grupo, capitaneado por Nilton Jr., está finalizando as gravações do segundo álbum, ‘Água da Flor da Corrente’. Nesta sambada, que começa às 20h, o público já confere parte do novo repertório do coco, além das músicas do primeiro disco. O ingresso custa R$ 10.

O Coco de Toré Pandeiro do Mestre tem mais de 20 anos de existência, atuando com muita expressividade nesse gênero musical e forte empatia junto ao público que aprecia essa tradição poético-musical. A Música do Pandeiro do Mestre é influenciada pela musicalidade dos mestiços do sertão, do agreste e da zona da mata, cumprindo a importante função de redimensionar essa feição musical e coreográfica de um antigo e complexo sistema de crenças conhecido como Toré. O secreto ritual da Jurema Sagrada dos índios do nordeste brasileiro.

A música do Toré é a essência do Coco praticado por Índios Potiguara da Baía da Traição, no Estado da Paraíba, mantido por seus descendentes até hoje. O Pandeiro do Mestre também canta cirandas autorais e outras loas consagradas de grandes mestres do passado. Mantendo essa forte ligação com sua ancestralidade, o grupo já se apresentou em vários eventos e festivais pelo Brasil, como Empório Brasil (Goiânia-GO); Festival de Inverno de Garanhuns; Encontro de Culturas da Chapada dos Veadeiros (GO); Projeto Calaf (Brasília-DF); Tipoia Festival, além de participar dos ciclos festivos promovidos pelos governos municipais de Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes.

Toda a produção para Água da Flor da Corrente está sendo realizada pelo Coco de Toré Pandeiro do Mestre, em parceria com o produtor musical Buguinha Dub. O grupo também buscou financiamento coletivo e voluntário através das redes sociais, conseguindo levantar recurso para parte desses custos. Para a finalização e lançamento o disco, o grupo planeja realizar uma temporada de sambadas de coco em Olinda e Recife neste próximo período que antecede ao São João.

Serviço
Coco de Toré Pandeiro do Mestre em Olinda
Quando: sábado, 1º de abril
Horário: a partir das 20h
Local: Odara Comedoria (Rua de São de Bento, 247, Sítio Histórico de Olinda)
Ingressos: R$ 10

< voltar para home