Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Cultura popular e artesanato

Encontro no Recife reflete sobre a mulher na capoeira

Atividade acontece nos dias 17, 18 e 19 de março, no Centro de Capoeira São Salomão

Propondo discussões envolvendo temáticas como gênero e enfrentamento do machismo, a 8ª edição do Encontro Feminino de Capoeira: a mulher entrou na roda, começa nesta sexta-feira (17), no Centro de Capoeira São Salomão, localizado no bairro da Várzea, no Recife. O encontro faz parte das ações do projeto ‘É Cor de Rosa Choque’, que desde 2009 é dedicado ao empoderamento das mulheres capoeiristas.

Na programação, estarão participando a Mestra Áurea (PE/PR), Mestra Janja (BA), e as brincantes e pesquisadoras, Hellaynne Sampaio (Afoxé Oyá Tokolé), Íris Campos (bailarina e brincante do Caboclinho 7 Flexas) e Rebeca Gondim (bailarina e passista), que realizarão vivências de dança afro, caboclinhos e frevo. Nos dias 25 e 26 de março, o Centro São Salomão também contará com a reapresentação do espetáculo ‘Cara da Mãe’, enfatizando o universo do sagrado feminino vivido na maternidade e será encerrada a exposição fotográfica homônima Cara da Mãe, que retrata a imersão da fotógrafa Priscila Batista na segunda temporada do espetáculo, representada pelo olhar sensível e profundo de sua lente.

Para participar, é necessário efetuar prévia inscrição, através dos telefones: (81) 99172.1957 e 99101.6037. O valor individual da inscrição custa R$ 100. As vagas são limitadas. O Centro de Capoeira São Salomão fica localizado na Rua Dr. Corrêa da Silva, nº 267, Várzea, no Recife.

Confira abaixo a programação:

Sexta-feira, 17 de março
19h | Roda de Acolhimento

Sábado, 18 de março
8h30 | Café da manhã compartilhado
9h30 | Mesa de abertura oficial
10h | Palestra e debate – A importância da participação política da mulher  em seus campos de atuação e convivência (Albanise Pires, Rosângela Araújo e Mestra Janja)
12h | Almoço
14h | Vivência de dança afro – Hellaynne Sampaio (pesquisadora e dançarina)
15h | Aula e roda de capoeira – Mestra Janja – BA (Grupo N’Zinga de Capoeira Angola)
17h30 | Intervalo
18h30 | Cine Mandinga – Jogo aberto (Coletivo Capoeira do CAC – Gabriela Santana)
20h | Sarau (Espaço de expressão de referências de mulheres com as artes) – convidadas de música, poesia, dança e teatro.

Domingo, 19 de março
10h | Vivência de Caboclinho – Íris Campos (pesquisadora e brincante)
11h | Aula e roda de capoeira – Mestra Áurea
13h30 | Almoço
15h | Vivência de frevo – Valéria Vicente (pesquisadora e brincante)
16h | Roda de diálogo e sistematização
17h | Roda de encerramento e confraternização

< voltar para home