Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Cultura popular e artesanato

Inédito no Recife, espetáculo sobre Ilê Aiyê ocupa a Caixa Cultural

Curta temporada na capital pernambucana conta ainda com uma Oficina de Dança Afro, cujas aulas serão ministradas no sábado (19), às 10h

Divulgação

Divulgação

Proposta do espetáculo “Tributo ao Ilê Aiyê” é levar ao palco do teatro toda a história do bloco afro mais conhecido do país

Uma das manifestações culturais mais conhecidas do Carnaval de Salvador vai ocupar a Caixa Cultural Recife de quinta (17) a sábado (19). Trata-se da apresentação do espetáculo Tributo ao Ilê Aiyê, montagem ainda inédita no Recife e que surgiu em 2012 para comemorar os 40 anos da associação carnavalesca. As sessões estão marcadas para esta quinta (17) e sexta (18), às 20h, e no sábado (19) em dois horários, às 17h e 20h. Os ingressos custam R$10 (inteira) e R$5 (meia), e a classificação é livre.

A curta temporada na capital pernambucana conta ainda com uma Oficina de Dança Afro, cujas aulas serão ministradas no sábado (19), às 10h, pelo próprio elenco e com música executada ao vivo. Os interessados devem enviar currículo para o e-mail: tributoaoileaiye@gmail.com. A inscrição é gratuita e a idade mínima para participar da oficina é de 16 anos.

A proposta do espetáculo Tributo ao Ilê Aiyê é transformar o palco numa compacta avenida para que o bloco afro possa passar pelos teatros do país. Os principais elementos do Ilê Aiyê estão presentes na composição teatral, como a participação dos fundadores Antonio Carlos Vovô, Apolônio de  Jesus, Macalé  e  Aliomar, a percussão com músicos da própria Band’ Aiyê e a voz de Mario Pam, maestro, ogã, formado na Band’ Erê – grupo infanto-juvenil do bloco.

Diviulgação

Diviulgação

O musical conta com diversas músicas temas e poesia do bloco do Curuzu, como é conhecido o Ilê Aiyê em Salvador

Segundo Ceicça Boaventura, que participou da concepção, direção geral e produção executiva do espetáculo, tem sido um misto de alegria e surpresa por parte do elenco circular com a montagem pelo país. “Temos tido uma ótima receptividade, tanto do público como da crítica. Em 2012, por exemplo, durante o lançamento da peça em Curitiba, nos surpreendemos com a lotação na Caixa Cultural de lá. Em Brasília não foi diferente, e também contamos com a casa cheia nos dois dias de apresentação. O Ilê é um grupo que encanta por onde passa e que tem o interesse do público em geral pela importância da sua história”, opina.

O musical conta com diversas músicas temas e poesia do bloco do Curuzu, como é conhecido o grupo em Salvador. “A ideia é resumir nos palcos esses 42 anos do grupo de muita militância não só política, mas também social e cultural, e sobretudo da valorização da cultura negra”, revela Ceicça Boaventura.

As cores do bloco em jogos de luz e figurino, o terreiro do Ilè Asè Jitolu representando Mãe Hilda, os atores-bailarinos e a Deusa do Ébano personificando as mulheres, também compõem o cenário. “Acima do que qualquer homenagem, a montagem é uma resposta em gratidão ao Ilê Aiyê e a tudo que ele representa e significa na nossa história”, enfatiza a diretora da peça.

Serviço
Espetáculo Tributo ao  ILÊ AIYÊ
Quinta (17) e sexta (18), às 20h | Sábado (19), às 17h e 20h
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
Classificação: Livre
Teatro Caixa Cultural Recife (Av. Alfredo Lisboa, 505, Bairro do Recife)
Mais informações: (81) 3425 1915

Oficina de dança afro
Sábado (19) | 10h
Teatro Caixa Cultural Recife (Av. Alfredo Lisboa, 505, Bairro do Recife)
Inscrições gratuitas – idade mínima 16 anos
Seleção por currículo – enviar para e-mail: tributoaoileaiye@gmail.com

Ficha técnica
Concepção, direção geral e produção executiva: Ceicça Boaventura
Direção cênica: Ângelo Flávio Zuhale
Coreografia: Jorge D`Santos e grupo Tributo ao ILE AIYE
Produção musical: Ângelo Flávio, Gerônimo Santana e Mário Pam
Figurinos e adereços: J. Cunha, Ceicça Boaventura e acervo ILÊ AIYÊ
Iluminação: Thelma Gualberto
Sonoplastia/operador de vídeo: Luis Gonçalves
Operador de Luz : Markinhos Fernandes
Vídeos criação: Henrique Filho
Elenco: Bailarinos (as): Christiane de Jesus, Cris Florentino, Joely Silva, Sueli Conceição, Tainara Cerqueira, Ary Meneses, Emerson Ataíde, Osvaldo Junior, Denys Silva
Participação: Maria Boaventura
Músicos: Mestre Mário Pam, Edmilson Gato, Patrício Paixão, Rú Paixão
Assessoria de Imprensa e Produção: Rabixco comunicação

 

< voltar para home