Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Economia Criativa

Porto Musical traz música e negócios ao Bairro do Recife

De quarta (4) até sábado (7), evento deverá reunir cerca de 600 pessoas interessadas em discutir as novas tendências do mercado musical

Divulgação

Divulgação

A programação abre, nesta quarta (4),às 14h, com o workshop “Música tocando negócios”, ministrada por Leonardo Salazar

Começa, nesta quarta (4), uma das mais importantes convenções internacionais de negócios da música no Brasil. É o Porto Musical 2015, evento que deverá reunir, até o próximo sábado (7), no Bairro do Recife, cerca de 600 pessoas que irão discutir as novas tendências do mercado mundial da música, com foco no intercâmbio e distribuição. Serão showcases, mesas redondas, conferências, rodadas de negócios, que contarão com mais de 30 convidados – entre artistas, representantes de selos, produtoras, festivais – dos cinco continentes.

A programação tem início a partir das 14h desta quarta (4), no Teatro Hermilo Borba Filho, com o workshop “Música Tocando Negócios”, que será ministrado por Leonardo Salazar, autor do livro “Música LTDA”, e é voltado para aqueles que se interessam em entender melhor como gerir os negócios da sua atividade musical. Esta atividade será gratuita, assim como os showcases que irão movimentar, diariamente, a Praça do Arsenal da Marinha. Clique AQUI para ver a programação completa.

Durante todo o evento, sempre a partir das 20h, o palco instalado na Praça irá receber músicos locais, nacionais e internacionais, com destaque para nomes como Lira (PE), DJ Dolores (PE), Marcelo Jeneci (SP), Cumbia All Stars (Peru), Juliano Holanda (PE), Mestre Vieira (PA), Jus Now (UK), Anelis Assumpção (SP), Sistema Criolina (DF), Mungo’s Hi Fi (Escócia), entre outros. Tudo isso, com acesso gratuito.

Divulgação

Divulgação

Anelis Assumpção é uma das atrações dos showscases gratuitos na Praça do Arsenal da Marinha

Outra atividade aberta ao público é a Feira Porto Exibe, que acontece na Torre Malakoff . O espaço, viabilizado em parceria com o Sebrae, contará com stands de produtoras, selos, coletivos culturais, publicações, entre outros. Promover a circulação e interação de materiais de música, entre expositores e empreendedores, são os principais objetivos Feira Porto Exibe, que funcionará das 16h às 22h, durante todos os dias do festival. Entre os expositores estão a Arte Primitiva, Atelier Cabana, Casa 87, Design Ecológico e Moulangerie, Movimento Cartonero de Pernambuco, stands do Centro Tecnológico de Cultura Digital, Assustado Discos, Ripohlandia e Revista MI. A gastronomia pernambucana também estará representada no local com a presença de tradicionais bares e botecos da cidade: Bar da Marluce (Santo Amaro), Caldinho do Mago (Brasília Teimosa) e Espetinho da Ceça (Bomba do Hemetério).

Conferências, mesas redondas e rodadas de negócios

A programação do Porto Musical também envolve atividades que visam à discussão sobre as novas tendências do mercado mundial da música. Para isso, serão convidados, diariamente, vários nomes nacionais e internacionais desse universo para partilhar suas visões e experiências nas conferências e mesas redondas oferecidas, de quinta (5) a sábado (7), sempre das 10h30 às 18h, nos teatros Apolo, Hermilo Borba Filho e no Portomidia.

Entre os vários convidados, estarão nome como Octavio Arbelaez (Circulart – Colômbia), Jody Gillett (Brasil Music Exchange – Inglaterra), Peter Hvalkof(Roskilde Festival – Dinamarca), Corinne Serrès (Mad Minute Music – França), Paula Abreu (Summer Stage Festival – EUA), Francois Pachet (Sony Lab – França), Maria Carrascal (Agita Cultura – Argentina), Ivis Flies (Full Folk Festival – Equador), Fernando de Sousa (Fundação Casa da Música – Portugal) e Crispin Parry (British Underground – Inglaterra), entre outros. O cantor e compositor Guilherme Arantes também faz parte dessa programação, e será entrevistado pelo jornalista e produtor Marcus Preto,na sexta (6). Já no sábado (7), o rapper Emicida se junta ao seu irmão Evandro Fióti, para falar na conferência “A Experiência do Laboratório Fantasma”.

A metade final da programação do Porto Musical será destinada àqueles que querem entrar em contato direto com produtores, representantes de selos e gravadoras de várias partes do mundo e do Brasil, para “vender seu peixe”. É a Rodada de Negócios, que acontece nesta sexta (6) e sábado (7), das 14h às 18h, com 28 empresas-âncora. Entre os principais nomes, estão Amanda Jones, do selo Real World Records de Peter Gabriel, o produtor equatoriano Ivis Flies e a gerente artística do Niceto Club, Diana Glusberg, da Argentina.

A ideia é que os participantes inscritos apresentam seus trabalhos/materiais e propostas, a fim de fechar negócios com os representantes. A previsão é que a Rodada de Negócios gere um montante de R$ 3,6 milhões em negócios durante o Porto Musical e nos 12 meses seguintes aos encontros em possíveis novos acordos e parcerias em acompanhamento por equipe do Sebrae.

Para participar das mesas redondas, conferências e rodadas de negócios, os interessados devem se inscrever, presencialmente, no Teatro Apolo, a partir das 10h30 desta quarta (4). A taxa de inscrição custa R$ 220 e dará acesso a todas essas atividades. O pagamento também poderá ser feito através de cartão.

< voltar para home