Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Áurea Martins e Gonzaga Leal prestam tributo a Dalva de Oliveira no Teatro Arraial

A apresentação acontece nesta sexta-feira (7), às 20h. A entrada é franca

O Teatro Arraial Ariano Suassuna será palco nesta sexta-feira (7), às 20h, do espetáculo Olhando o Céu, viu uma Estrela. Em cena, Áurea Martins e Gonzaga Leal vão interpretar as canções de Dalva de Oliveira. A apresentação, que conta com apoio da Secult-PE/Fundarpe, terá entrada gratuita.

Nem Áurea e nem Gonzaga conviveram de perto com Dalva de Oliveira (Rio Claro/SP, 1917/Rio de Janeiro/RJ, 1972). Mas isso não foi motivo para não serem cativados pelo repertório dessa figura luminosa da música brasileira, que, se viva estivesse, completaria 100 anos em 2017.

A parceria entre os dois músicos é antiga, já rendeu CD e shows pelo Recife e Garanhuns, e agora se reafirma nessa apresentação em tributo a uma das maiores cantoras brasileiras, referência e inspiração para ambos. “Esse espetáculo revela a Dalva que estava entranhada em nós, desde os tempos mais tenros. Esse tempo passou e, agora, ela ressurge nas nossas vozes em Olhando o Céu, viu uma Estrela, que poderá ser registrado em um disco em breve”, conta Gonzaga.

Segundo o músico, o público poderá conferir no palco “um estado poético e musical, um sentimento de saudade pessoal, referenciado em canções eternas”.  ”No repertório, resgatamos muitos sentidos vindos da memória, da poesia, de uma viagem antiga pelas cidades, pelos amores, pelas grandes referências… Tudo isso na voz de dois artistas que acreditam que cantar traz para dentro de nossas vidas um sentido, um fio precioso, capaz de costurar qualquer tecido; esburacados tecidos, que somos nós, com nossas lembranças, nossas ideologias e sonhos”, afirma o cantor.

Costa Neto/Secult-PE

Costa Neto/Secult-PE

O espetáculo dá vida às canções imortalizadas na voz de Dalva de Oliveira

Nas palavras de Gonzaga, Dalva “cantava de alma nua e apostando na vida. Ela procurou desesperadamente o amor, perdeu batalhas, ganhou guerras, foi muitas vezes humilhada, explorada e ressurgiu sempre, mesmo quando já não se acreditava que voltaria a cantar”. Entre os sucessos de Olhando o Céu, viu uma Estrela, estão Tudo Acabado (J. Piedade/Oswaldo Martins), Tu Me Acostumaste (Frank Dominguez), Estão voltando as flores (Paulo Soledade), Oh, Meu Imenso Amor! (Roberto Carlos), Voltarei de joelhos (Zambrini/Migliacci), Teu Castigo (Tom Jobim/Newton Mendonça), Pede Passagem (Sidney Miller) e Aves Daninhas (Lupicínio Rodrigues).

Confira abaixo um vídeo sobre o show:

Serviço
Espetáculo Olhando o Céu, viu uma Estrela, com Áurea Martins e Gonzaga Leal
Quando: 7/7 (sexta-feira), às 20h
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna (R. da Aurora, 457 – Boa Vista, Recife)
Entrada franca

< voltar para home