Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Marlos Guedes e Allan Sales comandam a nova edição dos Saraus em Pasárgada

O recital acontece nesta sexta-feira (12), às 18h. O acesso é gratuito

Divulgação

Divulgação

O poeta e o músico serão os responsáveis pelo recital lítero-musical

Os Saraus em Pasárgada, evento que acontece mensalmente na Casa de Manuel Bandeira, recebem nesta sexta-feira (12), às 18h, o poeta Marlos Guedes e o músico Allan Sales para uma noite regada à poesia e boa música. ”Para nós, que estamos à frente do Espaço Pasárgada, é uma alegria muito grande receber esses dois artistas que militam/atuam no campo das artes há tantos anos, com um trabalho autoral tão significativo e marcante. Sem dúvidas, eles vão gerar uma interação bem interessante com o público que tem acompanhado nossos recitais”, conta Marília Mendes, gestora do equipamento cultural.

No repertório da noite, constam poemas e músicas que atravessaram a carreira dos convidados e, como é de se esperar, algumas novidades. “Separei textos antigos, já conhecidos nas rodas de poesia da cidade, e outros mais novos, que recentemente ando escrevendo. A ideia é mesclar e vê no que dará”, adianta o poeta Marlos Guedes.

Jan Ribeiro/Secult-PE/Fundarpe

Jan Ribeiro/Secult-PE/Fundarpe

Os saraus acontecem no quintal do Espaço Pasárgada

Os Saraus em Pasárgada ocorrem sempre nas segundas sextas-feiras de cada mês. A entrada é gratuita, com direito a microfone aberto para os amantes da poesia.

Allan Sales
Músico, poeta e compositor. Natural do Crato (CE), é radicado no Recife desde 1969. Desde 1997, dedica-se ao cordel sendo autor de mais de 700 textos sobre os mais variados assuntos, sendo os temas políticos e os de humor os seus preferidos.

Marlos Guedes
Natural de Bom Conselho, 1957, filho de Cícera Tenório e do poeta de cordel Expedito Guedes. Formado em Psicologia Social pela FAFIRE. Foi professor, por dois anos, de psicologia social nas faculdades de pedagogia e psicologia. Trabalhou e se aposentou no banco do brasil. Militante político e sindical, com visão comunista. Foi presidente do sindicato dos bancários por três gestões. Poeta largado, sem uma linha definida, trabalhou com a banda Rhudia, com algumas composições gravadas. Atualmente, trabalha com o Coletivo de Arte em Movimento do Recife. É declamador e está trabalhando na produção de seu primeiro CD autoral: 11 MARGINAL! 11 composições, 11 músicas e 11 intérpretes que rondam os bares e espaços musicais do Recife.

Serviço
Saraus em Pasárgada
Quando: 12/5 (sexta-feira), às 18h
Onde: Espaço Pasárgada (R. da União, 263 – Boa Vista, Recife – PE)
Quanto: acesso gratuito

< voltar para home