Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Mubac destaca a produção artística de Caruaru durante a Semana Santa

O equipamento cultural abre exposição de louças de barro de artesãs da cidade nesta sexta (12); e recebe o projeto “Curta mais Caruaru na Paixão”, entre os dias 15 e 19 de abril.

Divulgação

Divulgação

Louças de barro de 70 artesãs do grupo “Em busca da sabedoria” estarão expostas no Mubac

Artistas de Caruaru estarão sob os holofotes do Museu do Barro de Caruaru (Mubac) neste mês de abril. A partir desta sexta-feira (13) até o dia 30 de abril, o equipamento cultural abre a primeira exposição de louças de barro, que promete movimentar o espaço durante a Semana Santa, quando também acontece a mostra de cinema “Curta Mais Caruaru na Paixão”, entre os dias 15 e 19 de abril. As duas iniciativas têm suas programações compostas exclusivamente por artesãs e cineastas da cidade, localizada no agreste do Estado.

“Através da exposição, queremos dar visibilidade ao trabalho das mulheres do grupo ‘Em busca da sabedoria’, que vivem desse trabalho, mas estão praticamente no anonimato. Reconhecer o trabalho delas é importante também para valorizar o artesanato da cerâmica utilitária”, comenta a gestora do Mubac, Amélia Campello. Peças de 70 artesãs caruaruenses – entre elas Socorro Rodrigues, Driele Silva, Terezinha, Marliete Rodrigues, Nerice e Maria Otilha – integram a mostra, que também conta com louças de 10 artesãos homens, que participam da iniciativa homenageando as mulheres.

Realizado através de um edital da Fundação de Cultura de Caruaru, o projeto Curta Mais Caruaru na Paixão contará com três ações no Mubac. O evento tem início com a formação de atores “Oficine”, entre os dias 15 e 17 de abril, das 8h às 12h, que será ministrada pelo ator e produtor cultural Luciano Torres. A atividade resultará na gravação de um curta-metragem com os participantes da oficina usando a Semana Santa como temática. O material será exibido como parte da mostra de filmes do projeto, que acontecerá no Sexta da Paixão (19), às 15h.

Alex Costa

Alex Costa

“Nova Iorque”, de Leo Tabosa, é um dos curtas que serão exibidos na mostra de filmes, na sexta (19)

A mostra exibirá curtas-metragens de diretores naturais de Caruaru, sendo eles “Mestras do Barro”, de Evandro Lunardo; “Jesus também foi menino”, de Edvaldo Santos; “Sonho de um romeiro com Padre Cícero Romão”, de Paulinho Silva; “Imerso”, de Eder Deó; “Menino Pontilhado” e “Nova Iorque”, de Leo Tabosa. Ainda serão incluídos na programação mais outros três títulos, que serão selecionados através do concurso “CineMão”, que busca escolher curtas de até 3 minutos, gravados em qualquer formato, com tema relativo à Semana Santa.

Os interessados em participar da “Oficine” ou concorrer ao “CineMão” já podem enviar um e-mail para curtacaruaru2019@gmail.com, solicitando a ficha de inscrição para o evento específico. Todas as atividades do “Curta Mais Caruaru na Paixão” acontecerão no Mubac e são gratuitas. “A proposta é valorizar os diretores daqui da cidade, que não têm tanto espaço de exibição. O mercado de audiovisual tem crescido em Caruaru, mas ainda precisa se desenvolver e, para isso, é preciso incentivar os estudantes. Temos o plano de dar continuidade ao projeto em outras datas comemorativas, como o São João”, conclui Luciano Torres, que produz o evento.

Serviço
Semana Santa do Museu do Barro de Caruaru

(Praça Coronel José de Vasconcelos, 100 – Centro/ Caruaru)

Exposição de Louças de Barro
Visitação: de 13 a 30 de abril

Curta Mais Caruaru na Paixão
Programação
Oficine: de 15 a 17 de abril, das 8h às 12h
Mostra de filmes: 19 de abril, às 15h
Inscrições para Oficine e CineMão: curtacaruaru2019@gmail.com

< voltar para home