Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Munganga de Mateus e Catirina em cartaz no Teatro Arraial

Espetáculo da MC Produções volta ao teatro nesta sexta-feira (5), às 20h, e entradas que custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)

Nesta próxima sexta-feira (5) o Teatro Arraial, na Boa Vista, receberá a reestreia do espetáculo adulto 25 Anos de Munganga com Mateus e Catirina, da MC Produções e com direção de Alberto Braynner. A peça foi uma das selecionadas da Convocatória de Ocupação de Pautas do Teatro Arraial 2014.2, promovida pela Coordenadoria de Artes Cênicas da Secretaria de Cultura de Pernambuco com o objetivo de abrir espaço para a produção independente e estimular a formação de plateia no Estado. As sessões da montagem serão nas sextas e sábados, às 20h, até o dia 4 de outubro próximo. A entrada custa R$ 40 à venda na bilheteria do teatro.

Depois uma temporada repleta de êxito, com passagem por Cuiabá, Natal e Recife, a comédia 25 anos de Munganga volta a entrar em cartaz no Teatro Arraial para apresentar o casal de personagens nordestinos Mateus e Catirina, interpretado pelos atores Ivan Leite e José Brito, que também escreveram o texto da peça.

A montagem passa a limpo, com muito humor, os 25 anos de relacionamento do casal em cenas que narram causos sobre toalha molhada, escova de dente, sogra, peças íntimas e roupas espalhadas pela casa, entre outras situações engraçadas. O espetáculo é uma terapia de casal exposta ao público, que inclusive, participa do espetáculo e interfere diretamente no desenrolar da história ao opinar e escolher quem está certo ou errado em cada situação.

No folguedo popular, Mateus e Catirina, originários do Bumba Meu Boi, são um casal de escravos de uma fazenda. Ela, grávida, deseja comer a língua o boi do capitão. Mateus, depois de muita ‘munganga’, mata o boi e tira a língua. A partir daí é que se desenrola o auto do boi e um jogo cênico com vários personagens, músicas e dança para fazer o boi reviver.

Resultado da convocatória do Teatro Arraial
Além de 25 anos de Munganga com Mateus e Catirina, outros três espetáculos foram selecionados para se apresentar no Teatro Arraial durante o segundo semestre de 2014. Um deles é Haru – A Primavera do Aprendiz, com Rapha Santacruz e Sóstenes Vidal, direção de Marcondes Lima e produção de Christianne Galdino, que ficará em cartaz durante todos os domingos de 21 de setembro a 30 de novembro, com exceção do dia 5 de outubro (eleição), sempre às 16h.

Outra montagem que passa pelo Teatro Arraial é a Nem Tente, com direção de Fred Nascimento, produção do Grupo Totem e sessões às 20h, nas sextas e sábados de 10 a 25 de outubro. Por fim, de 7 a 22 de novembro, também nas sextas e sábados, às 20h, o público poderá conferir a a peça Imagens Não Explodidas, dirigida por Marcelo Sena e com produção da Cia ETC.

Serviço
25 anos de Munganga
Teatro Arraial (Rua da Aurora, Boa Vista)
Sexta (5) até 4 de outubro
Sextas e Sábados | 20h
R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)
(81) 3184 3057

< voltar para home