Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Quatro filmes entram em cartaz no São Luiz

Quatro estreias marcam a semana de 16 a 22 de março no Cinema São Luiz. Entre elas, o franco-japonês ‘Hiroshima Meu Amor’, do diretor Alain Resnais, com roteiro da escritora Marguerite Duras. Aclamado quando do seu lançamento (1959), o filme é uma das mais emblemáticas obras nouvelle vague,  movimento artístico cinematográfico francês das décadas de 50 e 60.

Hiroshima_Mon_Amour

O documentário brasileiro “Jonas e o Circo sem lona”, no qual a diretora Paula Gomes conta a história de um garoto de 13 anos que tem seu próprio circo frequentado pelos moradores do bairro onde vive, na Bahia, também é destaque. Assim como o longa brasileiro “Era o Hotel Cambridge”, da diretora Eliane Caffée o drama sul-africano ‘Eles só usam Black Tie’.

Jonas-e-o-circo-sem-lona

Com som e projeção digitais, o São Luiz é o cinema de rua mais moderno de Pernambuco, um equipamento público sob a gerência da Secult-PE e da Fundarpe. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Às terças, os valores caem para R$ 6 e R$ 3, respectivamente.

Confira a programação completa abaixo:
Semana: 16 a 22 de março

HIROSHIMA MEU AMOR

Hiroshima mon amour, França/Japão, 1959, 92m., LEGENDADO
Gênero: Drama  português, ficção, 201
Direção: Alain Resnais
Elenco: Emmanuelle Riva, Eiji Okada, Bernard Fresson
Classificação Etária: 12 ANOS

Sinopse: Um encontro ocasional em Hiroshima faz surgir um romance entre um arquiteto japonês (“ele”) e uma atriz francesa (“ela”) que está na cidade participando de um filme sobre a paz. A relação amorosa constitui a base para Resnais explorar a natureza da memória, da experiência e da representação. Além de amantes, eles também se tornam confidentes, o que traz a memória de uma história, nunca contada antes, do primeiro amor dela. Durante a Segunda Guerra Mundial, em Nevers, ela se apaixonou por um soldado alemão. No dia em que a cidade foi libertada, ele foi baleado e morto e ela submetida à humilhação e a desonra pública. Hiroshima foi o primeiro longa de ficção de Alain Resnais e uma referência da sua obra.
DIAS E HORÁRIOS: quinta – domingo: 17h50. sexta – quarta: 14h30. sábado – terça: 19h35.

JONAS E O CIRCO SEM LONA

Brasil, 2016, 82m.
Gênero: Documentário
Direção: Paula Gomes
Elenco: Jonas Laborda, Wandersson Silva, Micael Nunes, Ian Laborda, Gutinho Silva.
Classificação Etária: LIVRE

Sinopse: Aos 13 anos de idade, Jonas é filho e neto de artistas de circo. O garoto tem seu próprio circo improvisado, frequentado pelos moradores do pobre bairro onde vive, na Bahia. É ele quem coordena os números, prepara os figurinos, a música e controla os ingressos. Jonas pretende abandonar a escola para se juntar ao tio e viver num circo itinerante, mas a mãe prefere que ele permaneça na escola. No meio desta briga, ele descobre as dificuldades da vida adulta.

DIAS E HORÁRIOS: quinta – sexta – sábado – domingo – terça – quarta: 16h15.

ERA O HOTEL CAMBRIDGE

Brasil, 2014, 93m.
Gênero: Drama
Direção: Eliane Caffé
Elenco: Carmen Silva, Isam Ahmad Issa, José Dumont, Suely Franco.

Classificação Etária: 12 ANOS

Sinopse: Refugiados recém-chegados ao Brasil dividem com um grupo de sem-tetos um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Além da tensão diária que a ameaça de despejo causa, os novos moradores do prédio terão que lidar com seus dramas pessoais e aprender a conviver com pessoas que, apesar de diferentes, enfrentam juntos a vida nas ruas.

DIAS E HORÁRIOS: quinta – domingo: 14h30 sexta – quarta: 19h35. sábado – terça: 17h50. 

ELES SÓ USAM BLACK TIE

Necktie Youth, África do Sul/Holanda, 2015, 86min, LEGENDADO.
Gênero: Drama
Direção: Sibs Shongwe-La Mer
Elenco: Bonko Khoza, Sibs Shongwe-Le Mer, Colleen Balchin, Kamogelo Moloi.
Classificação Etária: 16 ANOS

Sinopse: Um ano após o sombrio suicídio de uma menina misteriosamente transmitido ao vivo na internet, um grupo de jovens ricos vive, em Joanesburgo, em busca de respostas, drogas, distração e salvação. A tragédia os obriga a reavaliar suas próprias vidas e debater assuntos como raça, política e sexualidade.

DIAS E HORÁRIOS: quinta – domingo: 19h35. sexta – quarta: 17h50. sábado – terça: 14h30.

< voltar para home