Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Teatro Arraial Ariano Suassuna será palco de dois espetáculos teatrais

As peças "h(EU)stória - o tempo em transe" e "Assim me contaram, Assim vou contando" entram em cartaz neste fim de semana no espaço

Recém-batizado com o nome do grande mestre Ariano Suassuna, o Teatro Arraial, administrado pela Fundação do Patrimônio Artístico e Histórico de Pernambuco (Fundarpe), recebe a partir desta sexta-feira (27) dois espetáculos teatrais, as peças h(EU)stória – o tempo em transe Assim me contaram, Assim vou contando. A Gota Serena assina a produção das duas montagens.

Júnior Aguiar e Márcio Fecher protagonizam o espetáculo h(EU)stória – o tempo em transe

Júnior Aguiar e Márcio Fecher protagonizam o espetáculo h(EU)stória – o tempo em transe

Premiado como melhor espetáculo e melhor trilha sonora no 20º festival Janeiro de Grandes Espetáculos, h(EU)stória – o tempo em transe revela relação do cineasta Glauber Rocha com Pernambuco, através de cartas escritas para o poeta e educador Jomard Muniz de Britto e o ex-governador do Estado, Miguel Arraes, “fala da Revolução, das desilusões, do amor e do cinema”, como definem os atores Júnior Aguiar e Márcio Fecher, protagonistas da produção. “Fizemos a peça em homenagem a Jormard e, principalmente, para mostrar o contato que Glauber manteve com nosso Estado, através da amizade que ele mantinha com esses dois pernambucanos”, disse Aguiar.

No palco Júnior e Fecher  representam as dimensões do diretor baiano no tempo, evocando suas raízes da Bahia; a explosão cinematográfica a partir do Rio de Janeiro; o internato no colégio presbiteriano 2 de julho onde descobre o teatro; o suicídio de Vargas que tanto lhe chama a atenção pela comoção popular; a prisão depois do golpe de 64; o exílio em 71 que durou cinco anos; as incontáveis viagens pelos continentes e as violentas críticas sobre sua obra cinematográfica.  ”A peça integra a trilogia vermelha que, além de Glauber, homenageará ainda Paulo Freire e Dom Hélder Câmara. O legal desta nova temporada no Teatro Arraial Ariano Suassuna, que já virou um grande parceiro na encenação de nossos espetáculos, é que ela se encerra justamente no dia que o cineasta baiano completaria 76 anos”, comentou Júnior Aguiar, que assina o roteiro, a pesquisa e encenação do projeto, que busca, em seus trabalhos, resgatar a memória e a recente história da sociedade brasileira.

O espetáculo fica em cartaz de 27/2 até o dia 14/3, sempre às sextas-feiras e aos sábados, a partir das 20h. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia-entrada).

Fecher interpreta o palhaço Severino da Gota Serena no palco

No infantil Assim me contaram, Assim vou contandoa ator Márcio Fecher encarna o papel do palhaço Severino da Gota Serena. Personagem principal do espetáculo, Severino é uma figura ambulante, mambembe, destes contadores de histórias que encontramos pelas praças ou no palco dos teatros. É neste trabalho que podemos conhecer a pesquisa de clown do artista Márcio Fecher. “Por onde ele percorre, encontramos o colorido nordeste das nossas feiras de rua, a beleza popular da cultura oral do nosso povo brincalhão que ele representa com humor e malícia pura, a magia lúdica das brincadeiras que encantam qualquer pessoa pela forma espontânea que estabelece contato e comunicação”, disse Fecher sobre seu papel na peça, que narra, ao todo, seis histórias: Dr. Raiz, Nosso amigo ventinho, A história do minguado, A galinha galinhola que escapou da caçarola, A história da Noite e o Gran Circo balança, mas não cai. Durante o espetáculo há música ao vivo, malabares e números de mágica.

Assim me contaram, Assim vou contando já foi encenado em vários estados brasileiros, como Rio de janeiro, Minas Gerais e São Paulo, com passagem pelo Distrito de Braga, em Portugal. A montagem estreia neste sábado (28) e segue até o dia 15/3, aos sábados e domingos, às 16h. A entrada custa R$ 30 e R$ 15.

Serviço
Espetáculo h(EU)stória – o tempo em transe
Dias: 27, 28/2, 6, 7, 13 e 14/3
Local: Teatro Arraial Ariano Suassuna (Rua da Aurora, 457, Boa Vista – Recife – PE)
Horário: 20h
Ingressos: R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira)
Informações: (81) 3355-3320 ou 8493-1650

Espetáculo Assim me contaram, Assim vou contando
Dias: 28/2, 1º, 7, 8, 14 e 15/3
Local: Teatro Arraial Ariano Suassuna (Rua da Aurora, 457, Boa Vista – Recife – PE)
Horário: 16h
Ingressos: R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira)
Informações: (81) 3355-3320 ou 8493-1650

< voltar para home