Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Espaços culturais

Torre Malakoff recebe exposição sobre história das artes marciais no Japão

Peças do acervo da Fundação Japão poderão ser apreciadas até 31 de agosto

Divulgação

Divulgação

O público poderá conferir as armaduras antigas utilizadas pelos guerreiros samurais, capacetes de diversos tamanhos e formas

Abre na próxima quarta-feira (10), na capital pernambucana, a exposição O Espírito do Budô – A História das Artes Marciais no Japão. Promovida pela Fundação Japão São Paulo e pelo Escritório Consular do Japão no Recife, a mostra itinerante conta com a parceria do Governo de Pernambuco, por meio da Secult e Fundarpe, que gerenciam a Torre Malakoff.

Pernambucanos e turistas que visitarem o equipamento cultural no bairro do Recife até o dia 31 de agosto poderão conhecer as diversas peças que integram o acervo da Fundação Japão, expostas em duas grandes alas. Na primeira, estão as armaduras antigas utilizadas pelos guerreiros samurais, capacetes de diversos tamanhos e formas, katanas (espadas), lanças, arcos e flechas, destacando-se o desenvolvimento e as mudanças nas artes marciais do Japão no século VIII ao XIX.

Já na segunda, estão peças contemporâneas utilizadas pelos praticantes de artes marciais e que enfatizam a reorganização do bujutsu (tradicionais técnicas de combate) para o budô (Bu significa espírito do samurai e , caminho), nos séculos XIX e XX. Ou seja, evidenciam as mudanças nas técnicas de combate utilizadas em guerra, passando pelo conceito de defesa pessoal, até chegar à atual filosofia, que é a de promover a atividade física, com o intuito de desenvolver o corpo e a mente.

Para os japoneses, o peso da tradição recai sobre vários aspectos do seu cotidiano. O Espírito do Budô é basicamente a essência do caminho para incorporar esse espírito de samurai, não somente nas artes marciais, como também em outros aspectos da existência humana. O estudo deste conceito permite o alcance de uma compreensão mais profunda e significativa do Japão e do seu povo.

“Receber essa exposição na Torre Malakoff é de suma importância, pois possibilita para nós um intercâmbio cultural, da realidade histórica do povo japonês, e suas transformações estéticas, filosóficas e educacionais ao longo dos tempos”, afirma a Presidente da Fundarpe, Márcia Souto. Para Conceição Santos, gestora do equipamento cultural, “a própria edificação da Torre – símbolo de defesa e estratégia militar transformado em centro cultural -, já dialoga com esse universo, e nos remete à reflexão sobre a história da humanidade, a busca pelo desenvolvimento do corpo, da mente e do espírito”.

A inauguração da exposição contará com uma apresentação musical de Wadaiko (tambores japoneses), executada pelo grupo Ren Taiko Recife, da Associação Cultural Japonesa do Recife (ACJR) e uma demonstração de Kenjutsu pela Associação Nagai. Durante o período da mostra, haverá uma palestra sobre “Aventureiros dos Sete Mares: O Trabalho dos Missionários da Companhia de Jesus no Japão dos Samurais (Séculos XVI a XVIII)”, pela pesquisadora Angélica Alencar, da Universidade de Sofia, no Japão, e da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), como também apresentações de várias artes marciais, oficinas de origami e furoshiki e exibição de diversos DVD’s.

Confira abaixo a programação completa:

Abertura da Exposição Itinerante
“O Espírito do Budô: A História das Artes Marciais do Japão”, com demonstração de kenjutsu, pela Associação Nagai e apresentação de Waidako (tambores japoneses) pelo grupo Ren Taiko do Recife, da Associação Cultural Japonesa do Recife (ACJR).
Data: Quarta-feira, 10 de agosto de 2016
Horário: 19h
Visitação:  11 a 31 de agosto de 2016
Horário: Terça a Sexta, das 10h às 18h | Sábado, das 15h às 18h |Domingo, das 15h às 19h

Palestra
“Aventureiros dos Sete Mares: O Trabalho dos Missionários da Companhia de Jesus no Japão dos Samurais (Séculos XVI a XVIII)”, pela pesquisadora Angélica Alencar, da Universidade de Sofia, no Japão e da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).
Data: Sábado, 13 de agosto de 2016
Horário: às 15h

Demonstração de Artes Marciais
Data: Domingo, 14 de agosto
Horários: 15h: Judô pela Associação Nagai / 15:45h – Karatê pela Associação Nagai / 16h30 – Aikido pela Associação Nagai

Data: Domingo, 21 de agosto
Horário: 16h – Kendo e Iaido pela Associação de Kendo do Recife

Data: Domingo, 28 de agosto
Horário: 15h30 – Kenjutsu pela Associação Nagai / 16h – Aikido pelo Centro Cultural Georges Stobbaerts / 16:30h – Tenchi Tessen Centro Cultural Georges Stobbaerts

Workshop (oficina) *
Data: Domingo, 14 de agosto
Horário: às 15h e 16h: Oficina de Origami (dobradora de papel / origami modular)

Data: Domingo, 21 de agosto
Horário: às 15h e 16h: Oficina de Furoshiki (tecido quadrado utilizado como embrulho)

Data: Domingo, 28 de agosto
Horário: às 15h e 16h: Oficina de Origami (dobradura de papel / origami modular)

* 10 vagas por oficina, com duração de 45 minutos cada.

< voltar para home