Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Notícias cultura.pe

Pontos de Cultura com diversas atividades no FIG 2015

Treze entidades estarão participando da programação, com oficinas, exposições e apresentações artísticas.

Na 25ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns, treze pontos de cultura atuantes em Pernambuco vão realizar oficinas e apresentações culturais. As atividades, que irão acontecer no Casarão dos Pontos de Cultura e no Parque Euclides Dourado, fazem parte das ações do Programa Cultura Viva, desenvolvido no estado pela Secult-PE e Fundarpe.

Entre as novidades deste ano, no período de 20 a 24 de julho estarão em cartaz as exposições ‘Carnaval em Foco: Imaginário Coletivo’, promovida pelo Ponto de Cultura Oscip Diálogos, e ‘Mestres da Memória’, do Ponto de Cultura Tecer. Além de oficinas dos editais abertos da Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural – SCDC/MinC, e debate sobre a Lei Cultura Viva, que contará com a participação de Alexandre Santini,diretor da SCDC; e representantes da regional do Ministério da Cultura.

Para Rafael Buda, coordenador do Programa Cultura Viva, o Casarão dos Pontos de Cultura no FIG acontece em um momento simbólico para os fazedores de cultura do Estado. “Acredito que estamos vivendo um momento importante para a cultura de Pernambuco, tanto pela aprovação da Lei Cultura Viva e sua instrução normativa, quanto por celebrar o seu quinto ano de ações do Casarão durante o 25º Festival de Inverno de Garanhuns”, explicou Buda. “A Coordenação do Cultura Viva vem otimizando seu atendimento e monitoramento aos Pontos de Cultura e em breve teremos um representante no novo Conselho Estadual de Políticas Culturais, possibilitando uma maior formulação nas políticas públicas do estado”, adiantou.

Divulgação

Divulgação

Uma das fotografias que compõem a exposição ‘Carnaval em Foco – Imaginário Coletivo’.

Na mostra ‘Carnaval em Foco: Imaginário Coletivo’, o público irá conferir 34 fotografias em tamanhos ampliados, de autoria dos fotógrafos Ademar Filho, Jam Ribeiro, Leo Lima, Luís Fabiano, Passarinho (homenageado da exposição), Stephanny Cardoso e Vinícius Rodrigues, integrantes da Oscip Diálogos. “A exposição vai demonstrar o imaginário do carnaval de Olinda, através de personagens marcantes como o homem aranha e tantas outras fantasias e cenas, capitadas nas andanças dos fotógrafos. As imagens passeiam livremente pelas décadas de 60, 80 e 90, até o ano de 2005”, comentou Edilton Euclides de Lima, representante do Ponto de Cultura Oscip Diálogos.

Outro destaque da programação será a apresentação do grupo Mestres do Coco, composto pelos mestres Ricco Toadas, Jujuba e Zezinho. Segundo Marcos Moraes, produtor do Ponto de Cultura Farol da Vila e responsável pelo grupo, o repertório se trata de uma vasta pesquisa sobre o ritmo, que vem sendo realizada no Estado. “A atividade surgiu com a conquista do Prêmio Nacional de Expressões Culturais, nas edições de 2010 e 2012, possibilitando que o grupo pudesse explorar várias características de cada região e etnia, a partir de sua formação no Cabo de Santo Agostinho”, disse Marcos Moraes.

Divulgação

Divulgação

Grupo Mestres do Coco

De acordo com dados do Programa Cultura Viva, em Pernambuco são 154 Pontos de Cultura distribuídos entre as 12 regiões de desenvolvimento do Estado, sendo estes, 118 conveniados à Fundarpe e 36 conveniados ao Ministério da Cultura.

Confira a programação: 

- Exposições: 
De 20 a 24 de julho – das 13h às 17h
1. Mestres da Memória – Ponto de Cultura Tecer
2. Carnaval em Foco: Imaginário Coletivo – Ponto de Cultura OSCIP Diálogos

- Apresentações artísticas:
De 21 a 24 de julho – das 17h30 às 19h
21/7 – Cantoria de Viola e Repente – Ponto de Cultura Qualificação e Desenvolvimento na Cultura
22/7 – Mestres do Coco de Pernambuco – Ponto de Cultura Farol da Vila
23/7 – Maracatu Feminino de Baque Solto Coração Nazareno – Ponto de Cultura Engenho dos Maracatus
24/7 – Boi Tira Teima – Ponto de Cultura Tira Teima

- Oficinas:
De 20 a 24 de Julho – das 13h às 17h
1. Fotojornalismo e produção de conteúdo – Ponto de Cultura Tacaratu Filhos da Terra
2. Boi: resgante e construção do brinquedo da cultura popular trazido da mãe africa – Ponto de Cultura Organizando Meninos e Meninas no Ritmo do Boi
3. Bacamarte: história e manifestação – Ponto de Cultura Bacamarte: Tiro da Paz
4. Eco Cidadãos: plantando sustentabilidade – Ponto de Cultura Mudando a Vida com Arte
5. Percussão – Ponto de Cultura Herança e Resgate
6. Cinema de Animação (Ponto de Cultura Cinema de Animação – Projeto Incentivado pelo Funcultura)

- Oficinas de Editais MinC e Roda de Diálogo:
De 22 a 23 de Julho – das 10h às 12h
22/7 - Edital Mídia Livre, Edital Cultura em Rede e Salic Web
23/7 - Roda de Diálogo sobre a Lei Cultura Viva

< voltar para home