Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Festival de Inverno

Lira volta a Garanhuns em show memorável

Jorge Vercillo encerrou a noite, que também teve shows de Siba, Nei Lisboa e La Pietà

Siba, durante emocionante apresentação no Palco Guadalajara (Foto: Marcelo Soares/Secult-PE).

Siba, durante emocionante apresentação no Palco Guadalajara (Foto: Marcelo Soares/Secult-PE).

Por Cecília Almeida

A noite do domingo (15/7) fez brilhar na Esplanada Guadalajara duas estrelas pernambucanas, em mais um dia de Festival de Inverno de Garanhuns. Siba Veloso e José Paes de Lira, o Lirinha, apresentaram seus trabalhos mais recentes e fizeram o público cantar junto. O compositor carioca Jorge Vercillo encerrou a noite.

A programação começou com a banda La Pietà, projeto do músico Éberson Ávila, que logo esquentou a plateia com músicas da década de 80 e 90. Em seguida, foi a vez do gaúcho Nei Lisboa dar seu tom, com seu estilo eclético e letras bem humoradas. Siba foi a terceira atração do Palco e empolgou o público com canções de seu álbum mais recente, “Avante”. A plateia respondeu calorosamente ao cantor pernambucano, que mostrou competência, simpatia e muito domínio de palco.

Em aguardada performance, Lirinha apresentou músicas de seu álbum solo, “Lira” (Foto: Marcelo Soares/Secult-PE)

Em aguardada performance, Lirinha apresentou músicas de seu álbum solo, “Lira” (Foto: Marcelo Soares/Secult-PE)

Com turnê dedicada a Lula Côrtes, Lira se apresentou ao som dos aplausos e gritos da multidão que lotava a Guadalajara, levando seu estilo e energia inconfundíveis. O compositor não apenas cantou músicas de seu trabalho solo, “Lira”, como também resgatou canções do Cordel do Fogo Encantado, como “Morte e vida de Stanley” e “Os oim do meu amor”. Emocionado, o público cantou junto e acompanhou o fôlego de Lirinha durante mais de uma hora de show. ”A impressão que tenho é que ele se soltou ainda mais agora na carreira solo. Fantástico”, elogiou o professor Junior Souza, que veio de São Paulo para curtir o FIG e considerou o show de Lira o ponto alto da programação.

Sobre Garanhuns, cidade em que já se apresentou outras vezes com o Cordel do Fogo Encantado, Lirinha comentou: “Esta cidade é muito importante na minha formação musical, já estive aqui curtindo shows e também já fiz apresentações inesquecíveis aqui. Esta minha nova fase é um misto de recomeço e reencontro. Estou muito feliz de Garanhuns fazer parte deste momento”.

Para encerrar a noite, Jorge Vercillo arrancou gritos da plateia antes mesmo de pisar no palco. O cantor abriu o show com “Acendeu”, acompanhado pelo coro entusiasmado de um público que conhecida todas as suas composições. No repertório, grandes sucessos do cantor, como “Que nem maré” e “Sensível demais”, além de canções mais recentes. Carismático, Vercillo conversou com o público, contou histórias de algumas de suas músicas e agradeceu o calor de seus fãs. “Valeu as 15 horas de viagem”, celebrou.

Nesta segunda (16/7), a Esplanada Guadalajara recebe Lucas Notaro e os Corajosos, Di Melo e Madeira Delay, Mombojó, China e Roberta Sá. As apresentações começam às 21h.

< voltar para home