Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Chris Nolasco leva música pernambucana para a Bélgica

Com incentivo do Governo de Pernambuco, a cantora fará apresentações musicais e workshops sobre o Maracatu de Baque Virado

Um intercâmbio cultural entre Brasil e Bélgica está proporcionando ao público europeu conhecer melhor a cultura pernambucana. Idealizado pela cantora e percussionista Chris Nolasco, a iniciativa já percorreu cidades como Bruxelas, Gent, Hasselt, Bruges e Louven.  A troca cultural já possibilitou também a vinda ao Recife dos violinistas belgas Wouter Vandenabeele e Katrien Vanremortel, que ministraram cursos e workshops sobre a música do país europeu em escolas pernambucanas.

Divulgação

Divulgação

Chris Nolasco encerra segunda temporada de projeto incentivado pelo Funcultura

Nesta segunda etapa, Nolasco ministra workshops e MasterClass sobre a música de Pernambuco, mais especificamente sobre o Maracatu de Baque Virado. Além de ensinar toques específicos do maracatu em instrumentos como alfaia, agogô e xequerê, Chris passa para os belgas um pouco sobre a história de luta e resistência do Maracatu, um dos mais importantes ritmos pernambucanos.

Ao longo de sua carreira, Chris Nolasco sempre valorizou sua origem nordestina e afrodescendente. Ela faz um verdadeiro trabalho valorização da cultura negra através das canções “Na qualidade de mulher negra, empoderada, eu uso a minha arte para abrir portas, espaços físicos para a música afro. Poder levar o maracatu para além das fronteiras do Brasil é um grande presente”, defende a artista.

Divulgação

Divulgação

Na primeira etapa do projeto, músicos belgas realizaram concertos e masterclass no Recife

A segunda etapa do Intercâmbio Cultural – Aliança Brasil e Bélgica conta com incentivo do Governo de Pernambuco, por meio do Funcultura.

< voltar para home