Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Cine às Escuras retorna com a missão de levar a sétima arte para todos

Segunda edição da mostra reúne curtas-metragens, um longa-metragem, oficina e mesa de debate para tratar da sexualidade numa programação gratuita

Reprodução/Filme

Reprodução/Filme

“Plutão”, de Daniel Nolasco (RJ), é um dos curtas que estão na programação do evento

Entre os dias 4 e 8 de julho a capital pernambucana recebe a segunda edição do Cine Às Escuras – Mostra Erótica de Cinema Acessível, evento que tem a proposta de levar a sétima arte a pessoas com deficiência. As sessões acontecerão no Cinema do Museu (Fundaj) e trazem curtas de diversos lugares do Brasil, além do longa Batguano (PB), de Tavinho Teixeira. Já no Centro de Artes e Comunicação da UFPE, serão realizadas a oficina Audiodescrição em Filmes Eróticos e a mesa de debate O Erótico no Cinema Pernambucano. A censura é de 18 anos.

“O Cine Às Escuras visa ser uma referência em acessibilidade comunicacional no audiovisual apresentando todos os curtas com audiodescrição, Libras e Legendagem para surdos e ensurdecidos”, detalha a coordenadora da mostra Andreza Nóbrega, da VouVer Acessibilidade. A iniciativa conta com o incentivo do Governo de Pernambuco, através do Funcultura Audiovisual, e a participação maciça de audiodescritores, locutores, intérpretes/tradutores de Libras, legendistas e consultores com deficiência visual e surdos.

A oficina Audiodescrição em Filmes Eróticos será realizada na próxima terça (4), às 14h, no Centro de Comunicação e Artes da UFPE (CAC), e tem o objetivo de apresentar princípios e particularidades da audiodescrição no universo da sexualidade e do erotismo. Os interessados podem solicitar a ficha de inscrição através do vouverescuras@gmail.com até o próximo domingo (2). Já a formação será conduzida por Andreza Nóbrega, que também é mestre em educação inclusiva e especialista em audiodescrição com pesquisa no universo erótico.

Também na terça (4) e no mesmo local será realizado o debate O Erótico no Cinema Pernambucano, com os realizadores audiovisuais Chico Lacerda, Ioanna Pappou e Ruth Steyer. A roda terá início às 18h e promete trazer um histórico de filmes locais que abordam temas como o desejo e a sexualidade. Os participantes ainda vão conversar sobre a produção dos próprios curtas, além do sistema de distribuição e a recepção do público em geral.

Reprodução/Filme

Reprodução/Filme

O curta pernambucano “Como Era Gostoso Meu Cafuçú”, de Rodrigo Almeida, também compõe a grade

Para os dias seguintes de programação, uma comissão formada pela cineclubista Amanda Ramos, a jornalista e educadora sexual Julieta Jacob, a professora de comunicação da UFPE Cristina Teixeira e a curadora Sara Mabel preparou uma curadoria de produções. Os curtas-metragens nacionais selecionados foram Através, de Amina Jorge (SP); Baunilha, de Léo Tabosa (PE); Cítrica, de Marjory Kumabe (SP); Como Era Gostoso Meu Cafuçú, de Rodrigo Almeida (PE); O Corpo Nu, de Diego Carvalho Sá (SP); Plutão, de Daniel Nolasco (RJ); Tupinikuirs de Jefferson Grochovski (PR). Destaque para o longa-metragem Batguano (PB) de Tavinho Teixeira, que retrata as aventuras noturnas de Batman e Robyn, que saem à procura de michês em um futuro apocalíptico.

Serviço
Cine Às Escuras – Mostra Erótica de Cinema Acessível
Terça (4/07) a sábado (8/07)
Centro de Artes e Comunicação da UFPE (CAC) e Cinema do Museu (Fundaj)
Gratuito

Confira a programação completa do Cine Às Escuras – Mostra Erótica de Cinema Acessível

Terça-feira (4/07)
Local: Centro de Artes e Comunicação da UFPE (CAC)
14h às 18h | Oficina:
“Audiodescrição em Filmes Eróticos”,
com Andreza Nóbrega

18h às 19h45 | Mesa de abertura:
“O Erótico no Cinema Pernambucano”,
Participantes: Chico Lacerda, Ioanna Pappou
e Ruth Steyer. Mediação: Amanda Ramos

Quarta-feira (5/07)
Local: Cinema do Museu
19h30 | Sessão Cine Às Escuras:
Exibição dos curtas
“Como Era Gostoso Meu Cafuçú” (PE) e “Baunilha” (PE)

Quinta-feira (6/07)
Local: Cinema do Museu
18h | Sessão Cine Às Escuras:
Exibição dos curtas
“Plutão” (RJ) e “O Corpo Nu” (SP)

Sexta-feira (7/07)
Local: Cinema do Museu
19h30 | Sessão Cine Às Escuras:
Exibição dos curtas
“Cítrica” (SP), “Através” (SP) e “Tupinikuirs” (PR)

Sábado (8/07)
Local: Cinema do Museu
19h30 | Sessão Cine Às Escuras:
Exibição do longa-metragem
“Batguano” (PB)

< voltar para home