Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Crianças e adolescentes contam a história do frevo através da dança

Espetáculo é resultado da oficina “Celeiro de Criação – oficina de frevo-dança”, que contou com incentivo do Funcultura

Divulgação

Divulgação

Camaragibe e São Lourenço participaram do projeto

Vinte e cinco crianças e adolescentes de Camaragibe e São Lourenço tiveram um contato íntimo com os passos de frevo, graças ao projeto ‘Celeiro de Criação – oficina de frevo-dança’, ministrado pela Liga Empreendimento Criativo. A iniciativa culminou numa apresentação coletiva que conta a história do frevo através da dança, com números coletivos e individuais por parte dos alunos. As apresentações serão realizadas em dois momentos neste mês de dezembro. No domingo (4), às 16h, no Centro Comunitário Vivendo e Aprendendo (Camaragibe) e na terça-feira (13), às 15h, no Sesc Ler São Lourenço da Mata.

A oficina conta com incentivo do Governo de Pernambuco, por meio do Funcultura, e a parceria do Centro Comunitário Vivendo e Aprendendo. O projeto foi realizado entre agosto e novembro de 2016, sob a orientação do educador Anderson Henry, resultando na apresentação artística na qual a turma apresenta tudo o que aprendeu nas aulas, passos como o rojão, tramela, guerreiro, carpado e tesoura.

De acordo com Eliz Galvão, coordenadora do projeto, a oficina foi de suma importância para a comunidade onde foi inserida. “O bairro do Celeiro em Camaragibe só conta com o Centro Vivendo e Aprendendo como espaço de formação cultural e valorização da cultura popular e que incentiva a participação do público com deficiência em suas atividades”.

Divulgação

Divulgação

Além da oficina de frevo ministrada pelo educador Anderson Henry, os participantes tiveram a oportunidade de conhecer o Museu Paço do Frevo

Além da oficina de frevo ministrada pelo educador Anderson Henry, os participantes tiveram a oportunidade de conhecer o Museu Paço do Frevo (Recife Antigo), a Escola Municipal de Frevo Maestro Fernando Borges (Recife) e vivenciaram uma aula-espetáculo com Wilson Aguiar (passista e professor de frevo).

Segundo a coordenadora do projeto, o momento agora é de conquistar novos parceiros para que a iniciativa siga adiante. “O incentivo do Funcultura foi importante para o desenvolvimento das aulas e da apresentação, mas é desejo nosso e das famílias atendidas dar continuidade ao grupo formado, e para isso estamos buscando novas parcerias”, explica.

Para Maria de Lourdes, presidente do Centro Comunitário, o projeto conta com um importante valor social. “É uma ação que está em total sintonia com a filosofia do nosso Centro, de incluir as pessoas que foram privadas de oportunidades e vivências educativas, sociais e culturais. Aqui as pessoas têm a chance de se sentirem pertencentes ao mundo em que vivem”.

Serviço
Apresentações do projeto Celeiro de Criação – oficina de frevo-dança
Domingo (4) | 16h
Centro Comunitário Vivendo e Aprendendo (Rua Guilherme Veloso, 98, Lot. Celeiro, Camaragibe)
Terça-feira (13) | 15h
Sesc Ler São Lourenço da Mata (Av. das Pêras, 56, Tiúma – São Lourenço)

Ficha Técnica do projeto
Realização: Liga Empreendimento Criativo
Elaboração do Projeto e Coordenação Executiva: Eliz Galvão Coordenação Pedagógica: Maria Ribeiro
Educador da Oficina: Anderson Henry Criação e confecção dos figurinos: Téo
Incentivo Cultural: Funcultura, Fundarpe e Secult-PE

*Com informações da assessoria

< voltar para home