Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Encontro gratuito reflete sobre acessibilidade comunicacional em projetos culturais

De terça (20) a sábado (24), Recife sedia o III Encontro de Acessibilidade Comunicacional, sob o tema “O Hibridismo e o Multissensorial na Cena da Inclusão”

Divulgação

Divulgação

Uma das atrações da programação é o espetáculo ‘Que Corpo é Esse’, de Petrolina (PE), da
do Coletivo Incomum de Dança

Com a proposta de provocar reflexões e a sensibilização dos participantes sobre a acessibilidade comunicacional, será realizada a terceira edição do Encontro de Acessibilidade Comunicacional em Pernambuco. Palestras, oficinas, mesas de debates, apresentações teatrais e de dança, exibições de filmes e um laboratório de experimentação artística compõem o evento, que este ano traz o tema “O Hibridismo e o Multissensorial na Cena da Inclusão”. A programação, que é gratuita, começa a partir desta terça (20) e segue até o próximo dia 24 na Caixa Cultural Recife.

O III Encontro de Acessibilidade Comunicacional em Pernambuco é uma realização da VouVer Acessibilidade, com incentivo do Governo de Pernambuco, por meio do Funcultura, e patrocínio do Governo Federal, via Caixa Econômica.

Divulgação

Divulgação

Toda a programação do encontro vai contar com recursos de libras e audiodescrição. O evento vai encerrar com apresentação da peça ‘Se Fosse Fácil Não Teria Graça’, com Nando Bolognesi (SP)

Segundo Andreza Nóbrega, idealizadora do projeto, a proposta do evento é que ele sensibilize e gere discussões sobre o tema. “Em toda a programação a gente vai ter libras e audiodescrição e ressaltar a importância desses recursos para os artistas e produtores culturais”, explica. O evento é direcionado ao público geral, pessoas com ou sem deficiência, artistas, produtores e educadores.

Ainda de acordo com a idealizadora, Pernambuco tem se destacado na questão da acessibilidade. “Já temos alguns eventos que entraram no calendário nacional, a exemplo do nosso, que já está no terceiro ano. O fato da acessibilidade ser um critério de pontuação no Funcultura tem feito uma grande diferença neste sentido aqui em Pernambuco, porque cada vez mais temos projetos com esta preocupação”, analisa.

Divulgação

Divulgação

O grupo Batuqueiros do Silêncio (PE) fará a apresentação artística “Um Surdo tocando surdo parece um absurdo”, na Sala Multimídia da Caixa Cultural Recife

O encontro terá a presença de nomes nacionais, como Olivia Mota (SP), precursora com trabalho de audiodescrição no Brasil, e Amanda Tojal (SP), que tem um trabalho bastante diferenciado no que diz respeito aos recursos multissensoriais em espaços públicos e exposições. “Queremos dar um olhar pro que está sendo feito aqui no estado, mesclando com várias experiências interessantes a nível nacional”, pontua Andreza Nóbrega.

Não é necessário fazer inscrição prévia para participar da programação de palestras, mesas de debates, sendo necessário apenas efetuar um credenciamento no dia do evento. Os ingressos para os espetáculos serão distribuídos uma hora antes.

Confira a programação do III Encontro de Acessibilidade Comunicacional em Pernambuco:

Terça-feira (20/9)
8h às 12h – Curso de Libras com Antonio Cardoso – PE. Local: Teatro
13h – Inscrição e credenciamento. Local: Recepção. Térreo.
14h às 16h – Palestra de abertura: “Confluências culturais que caracterizam o contemporâneo” com Lourival Holanda – PE. Local: Teatro

Lívia Motta (SP), uma das palestrantes do primeiro dia de evento.
16h às 18h – Palestra: “Audiodescrição no Teatro: O acesso de pessoas com deficiência visual às Artes Cênicas” com Lívia Motta – SP. Local: Teatro
18h às 19h – Vivência aberta de sensibilização corporal “À flor do corpo” – a multissensorialidade na multiplicação dos gestos que nos dançam, com Sílvia Góes – PE. Local: Teatro.

Quarta-feira (21/9)
8h – Inscrição e credenciamento. Local: Recepção. Térreo.
8h às 12h – Curso de Libras com Antonio Cardoso – PE. Local: Teatro
9h às 12h – Oficina: “LIBRAS NO TEATRO – técnicas para interpretação de espetáculos” com Ernani Ribeiro – PE. Local: Sala Oficina 1
9h-12h – Mesa: “Acessibilidade em pauta” com representantes de Instituições públicas e privadas: SESC/ MPPE/ UFPE. Mediação: Leonard Sousa – PE. Sala: Sala Multimídia.
14h às 15h – LAB de Artista| Relato de experiência e demonstração do processo artístico entre os artistas: Jefferson Figueiredo – PE e Luana Perrusi – PE. Local: Teatro
15h às 16h – Trocando ideias: Fórum Permanente de Museus Acessíveis (FOPEMA/PE) com Ernani Ribeiro – PE. Local: Sala Multimídia.
16h às 18h – Palestra: “Acessibilidade na TV” com Jonara Medeiros – PE. Local: Sala Multimídia.
19h às 21h – Sessão especial do Cine Às Escuras e lançamento da chamada de filmes para a II Edição do projeto Cine Às Escuras. Indicação: Maiores de 18 anos. Local: Sala Multimídia.

Quinta-feira (22/9)
8h às 12h – Curso de Libras com Antonio Cardoso – PE. Local: Teatro
9h às 12h – Oficina: “LIBRAS NO TEATRO – técnicas para interpretação de espetáculos” com Ernani Ribeiro – PE. Local: Sala Oficina 1
8h às 14h – Oficina: “Acessibilidade comunicacional em projetos culturais” com Jonara Medeiros – PE. Local: Sala Multimídia
13h – Inscrição e credenciamento. Local: Recepção. Térreo.
13h30 às 14h – Sessão para escola – Apresentação Artística “Pequenos Mares – Experimentos multissensoriais no espetáculo O mar tá pra peixe!” – Contação de Histórias sensorial com a Cia. Agora eu era… Local: Teatro
14h às 14h30 – Apresentação Artística “Pequenos Mares – Experimentos multissensoriais no espetáculo O mar tá pra peixe!” – Contação de Histórias sensorial com a Cia. Agora eu era… Local: Teatro
14h30 às 15h – Apresentação Artística “Pequenos Mares – Experimentos multissensoriais no espetáculo O mar tá pra peixe!” – Contação de Histórias sensorial com a Cia. Agora eu era… Local: Teatro
15h às 17h – Palestra “Acessibilidade e Ação Educativa Inclusiva em museus e Instituições Culturais” com Amanda Tojal – SP. Local: Sala Multimídia
17h às 18h – Lançamento do projeto “Toda Palavra” com exibição de curtas metragens e distribuição de DVD com Audiodescrição, Libras e legendas. Local: Sala Multimídia
Serão exibidos os curtas “A Onda Traz, O Vento Leva”, de Gabriel Mascaro (duração: 29min), e “Entre Paredes” de Eric Laurence (duração: 16min). Após a sessão, haverá debate com os realizadores e com Tarsila Tavares, a idealizadora do projeto.

Sexta-feira (23/9)
8h às 12h – Curso de Libras com Antonio Cardoso – PE. Local: Teatro
9h às 12h – Oficina: “A Legendagem para surdos e ensurdecidos no Teatro” com Bruna Leão – CE. Local: Sala Multimídia.
13h – Inscrição e credenciamento. Local: Recepção. Térreo.
14h às 16h – Palestra “Libras nas artes: entre o ser artista e o ser espectador” com Bernardo Klimsa – PE. Local: Sala Multimídia.

Bruna Leão (CE) é palestrante e oficineira do III Encontro de Acessibilidade.
16h às 18h – Palestra: “Em cena: Legendagem para surdos e ensurdecidos” com Bruna Leão – CE. Local: Sala Multimídia.

Espetáculo que Corpo é Esse, de Petrolina (PE)
19h – Apresentação Artística: “Que corpo é esse?”, do Coletivo Incomum de Dança – Petrolina – PE. Indicação: 16 anos. Local: Teatro

Sábado (24/9)
8h às 12h – Curso de Libras com Antonio Cardoso – PE. Local: Teatro
9h às 12h – Oficina 3: “A Legendagem para surdos e ensurdecidos no Teatro” com Bruna Leão – CE. Local: Sala Multimídia
13h – Credenciamento. Local: Recepção. Térreo.

Batuqueiros do Silêncio (PE)
13h30 – Apresentação Artística: “Um Surdo tocando surdo parece um absurdo”, Batuqueiros do Silêncio – PE. Local: Sala Multimídia
14h às 16h – Mesa: “Panorama da Acessibilidade Comunicacional em Pernambuco” com Antônio Cardoso – PE e representantes do Grupo LivreMente – PE e do Coletivo Lugar Comum – PE.  Mediação: Manuel Aguiar – PE. Local: Sala Multimídia.

Cena do espetáculo “Se Fosse Fácil Não Teria Graça”, finalizando a programação.
17h – Apresentação Artística: “Se fosse fácil não teria graça”, com Nando Bolognesi – SP. Indicação: 12 anos. Local: Teatro
CLASSIFICAÇÃO DO EVENTO: (Programação livre. Exceto: 21.09 sessão especial do Cine Às Escuras para maiores de 18 anos)

< voltar para home