Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Festival “A Música Reside no KAOS” revela talentos da Mata Norte

Com incentivo do Funcultura, a programação virtual do projeto contará com de oito bandas de Goiana, Tracunhaém, Nazaré da Mata e Timbaúba

Manu Leite/Divulgação

Manu Leite/Divulgação

O músico Sid3 Batera é uma das atrações do festival de música virtual

A efervescência musical da Zona da Mata Norte de Pernambuco ganha um novo espaço de difusão. De sexta-feira (5) a domingo (7), a 2ª edição do festival “A Música Reside no KAOS”, uma mostra dedicada à diversidade sonora produzida na região, exibe, de forma online e gratuita, shows com artistas que movimentam e representam a musicalidade urbana e contemporânea da Mata Norte. A iniciativa conta com incentivo do Governo do Estado de Pernambuco, por meio dos recursos do Funcultura.

Tal como uma vitrine de projetos musicais com atuação longeva na Mata Norte, “A Música Reside no KAOS” vem para ampliar horizontes. A proposta é projetar, para além das fronteiras da Zona da Mata, trabalhos que extrapolam a musicalidade regional. Ao longo do próximo fim de semana, se apresentam oito bandas das cidades de Goiana, Tracunhaém, Nazaré da Mata e Timbaúba, difundindo gêneros como rock, pop, metal, jazz, reggae e MPB produzidos na região.

Os grupos foram selecionados através de curadoria assinada pelo idealizador do festival, o músico Luziano Jardim. De acordo com ele, o festival age como um veículo de impulsionamento para os grupos independentes. “Atuamos como um instrumento de mediação entre o público e os artistas, facilitando que a música deles chegue para novas pessoas através de captação e difusão audiovisual profissional, de alta qualidade”, detalha.

A programação começa na sexta-feira (5), às 19h, com shows de Sid3 Sacrifício e Fé (Tracunhaém) e João Paulo Rosa e o Eito (Nazaré da Mata). No sábado (6), a partir de meio-dia, é a vez dos artistas goianenses Lucas Torres e Valfrido Santiago & Arreboque, e a banda Tercina, de Tracunhaém. No domingo (7), também ao meio-dia, o festival encerra com os grupos Usinaria e Prisma Orbe, de Goiana, e Pagan Spirits, de Timbaúba. Além dos shows, o público confere um breve bate-papo com os grupos.

Além da realização, que oportuniza que artistas independentes subam a um palco profissional e mostrem seu trabalho, o material audiovisual ficará a disposição das bandas, servindo como portfólio de atuação artística. “É um trabalho mesmo de acompanhamento, de fortalecer quem está na cena agora, na resistência, contando com os recursos da Internet para tornar esses grupos conhecidos fora da Zona da Mata”, ressalta Luziano.

A UNIÃO FAZ A FORÇA - O KAOS, sigla para Kamaradas Anarquistas Organizando Sociedade, surgiu em 2010, inspirado no programa Musikaos, da TV Cultura, que reunia apresentações musicais com foco em rock. Com a ideia de dar visibilidade às bandas do cenário underground da Mata Norte, o projeto criou um movimento coletivo de difusão de sonoridades independentes da região.

Em 2013, nasce “A Música Reside no KAOS”. Com incentivo do Funcultura, a primeira edição ocorreu nos moldes de festival de rua, com shows de 12 grupos da região, no centro de Goiana/PE. Foram realizados ainda quatro workshops e uma oficina sobre temáticas ligadas à música. A segunda edição, agora em 2021, também aprovada no edital, ocorreria de forma presencial no Recife, mas precisou ser reconfigurada devido à pandemia.

Seguindo protocolos de segurança, as apresentações a serem transmitidas de 5 a 7 de março foram gravadas no Clube Saboeira, em Goiana, entre 21 e 24 de janeiro. Com estrutura profissional de som e vídeo, o projeto contou com equipe técnica totalmente oriunda da Zona da Mata, ajudando a movimentar a cadeia produtiva da cultura no interior em tempos de paralisação de shows e festivais presenciais.

Serviço
2º Festival “A Música Reside no KAOS”
Dias 5, 6 e 7 de março de 2021
Transmissão pelo YouTube – bit.ly/youtubeamrkaos

>> Sexta-feira (5/3), às 19h
Sid3 Sacrifício e Fé
João Paulo Rosa e o Eito

>> Sábado (6/3), às 12h
Valfrido Santiago & Arreboque
Lucas Torres
Tercina

>> Domingo (7/3), às 12h
Usinaria
Pagan Spirits
Prisma Orbe

< voltar para home