Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Glória do Goitá sedia o 1º Festival dos Saberes da Cultura Popular

Eric Gomes/Secult-PE/Fundarpe

Eric Gomes/Secult-PE/Fundarpe

Patrimônio Vivo do Estado de Pernambuco falecido em 2020, Mestre Zé Lopes é o grande homenageado  do evento

A cidade de Glória do Goitá, localizada na Zona da Mata, vai sediar o 1º Festival dos Saberes da Cultura Popular, entre os dias 23 e 24 de outubro. Com incentivo do Governo do Estado de Pernambuco, por meio dos recursos do Funcultura, o evento é voltado para as manifestações artística da tradição popular nordestina e terá programação híbrida (on-line e presencial). Dentre os nomes já confirmados, estão: o mestre de Cavalo Marinho e Patrimônio Vivo de Pernambuco, Zé de Bibi; o grupo quadragenário Teatro Riso; e o Maracatu Estrela da Tarde.

Toda a programação será transmitida on- line por meio do canal Quitérias Produtora, no YouTube (www.youtube.com/QuiteriasProdutora). Para quem quiser assistir presencialmente, o evento acontecerá no Glória Country Club (Av. Djalma Dutra, n° 1010 – Barracão, Glória do Goitá – PE). Lembrando que, em cumprimento aos protocolos de combate à COVID-19, o festival contará com uma quantidade de público limitada a 50% da capacidade do local do evento, sendo o uso de máscara obrigatório.

A iniciativa é uma idealização da mestra mamulengueira e produtora cultural Cida Lopes (Quitérias Produtora), e destaca-se por sua programação composta quase que em sua totalidade por artistas da cultura de tradição popular da Zona da Mata.

“Uma das razões que me moveu a criar o festival é a busca pela ampliação dos espaços de visibilidade para nós artistas da cultura de tradição popular, um festejo onde nossos brinquedos não só compõem a programação, mas são o centro da festividade, onde a cultura de tradição popular pernambucana possa estar em evidência”, diz Cida Lopes. “A expectativa é que o evento faça parte do calendário cultural de Glória de Goitá, possibilitando que os artistas sintam-se incentivados e reconhecidos dentro de suas comunidades, que a cada ano possamos ter um mestre ou uma mestra homenageada”, complementa a produtora.

HOMENAGEADO - Neste ano, o festival presta uma homenagem ao mestre mamulengueiro e patrono dos Mamulengos de Pernambucom Zé Lopes, Patrimônio Vivo do Estado, que faleceu ano passado (2020). Zé Lopes deixou um imenso legado para a cultura pernambucana, além de ser responsável pela formação da maioria dos brincantes mamulengueiros de Glória do Goitá, foi um dos principais articuladores na abertura do antigo Centro de Revitalização do Mamulengo, conhecido atualmente como Museu do Mamulengo de Glória do Goitá. Para além de Pernambuco, Zé Lopes percorreu todo o Brasil e parte da Europa levando a arte do boneco popular pernambucano, e arrancando sorrisos por onde quer que passasse.

Cida, além de idealizadora do festival, é filha do mestre Zé Lopes e, como mestra mamulengueira ao lado de sua mãe Neide Lopes e de sua irmã Larissa e Júlia Lopes, tem dado continuidade ao trabalho iniciado pelo pai, contribuindo para manter viva a cultura do mamulengo.

Mais informações pelos telefones: (81) 979131502 e (81) 99830-8351.

< voltar para home