Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Karina Buhr traz show do seu novo disco para o Rec-Beat

A multiartista lança no festival seu novo disco, "Desmanche", um álbum que reflete sobre o momento político do Brasil atual. O Festival Rec-Beat conta com incentivo do Funcultura

Laís Domingues/Secult-PE/Fundarpe

Laís Domingues/Secult-PE/Fundarpe

O show marca a estreia do novo álbum da cantora na capital pernambucana

Munida de tambores, guitarras e poesia, a cantora, compositora e percussionista Karina Buhr chega com o desejo de discutir o tempo presente, de refletir sobre o momento político do Brasil. Essas e outras questões estão presentes no novo disco da artista, “Desmanche”, cujo lançamento no Recife acontecerá durante a 25ª edição do Festival Rec-Beat, agendado para os dias 22 a 25 de fevereiro, no Cais da Alfândega. O evento, que conta com incentivo do Governo do Estado de Pernambuco, por meio dos recursos do Funcultura, é gratuito.

O show de Karina Buhr no festival tem a chancela Revista Continente Convida e faz parte das comemorações dos 25 anos do festival. A Continente é uma revista pernambucana de cultura editada pela Cepe Editora e tem como objetivo propor reflexões e debates aprofundados sobre arte, cultura e questões sociais.

DESMANCHE - O quarto disco de Karina Buhr traz letras que falam do sentimento atual de instabilidade no país e comenta sobre o desmanche político e social que vivemos. Mas o trabalho também mostra que é preciso respirar, e por isso temos a presença de uma poética que pede serenidade e humor para lidar com o mundo ao nosso redor.

De um lado, Karina calça seu coturno, chuta a porta e rola no chão em faixas como: A Casa Caiu, Sangue Frio (que já tem clipe) e Temperos Destruidores e de outro anda descalça pela grama e arrepia corações em faixas como Amora (de perfume brega), Peixes Tranquilos e Nem Nada.

A multiartista traz de volta à seus tambores, instrumentos que a introduziram no universo musical em 1994, nos maracatus Piaba de Ouro e Estrela Brilhante do Recife, em cavalos marinho, afoxés e rodas de côco em Pernambuco. Este disco (e show) não tem bateria: é percussão no talo, guitarra, baixo e programações eletrônicas, que se desdobram para criar diferentes climas.

“Desmanche explora tanto o caos que estamos todos vivendo no mundo – de esgotamento de recursos naturais e de velhas ideias – como a calma em que às vezes nos recolhemos e muito por elas também sobrevivemos”, pontua Karina Buhr.

O show coroa uma relação antiga da artista com o Rec-Beat. Karina foi responsável por shows cheios de catarse em mais de uma ocasião. Em 2013 ela trouxe ao palco do festival o lançamento do seu segundo trabalho, “Longe de Onde”, em 2016 lançou o seu elogiado “Selvática”, ano em que também assinou a arte do festival.

Sobre a Revista Continente Convida
O Rec-Beat inicia mais uma parceria com a Cepe Editora e Revista Continente, desta vez com a chancela “Revista Continente Convida”. Nas bancas desde 2000, a Continente tem como compromisso trazer pautas aprofundadas que levem ao pensamento crítico e reflexivo dos seus leitores. Nesses 20 anos de estrada, a revista já entrevistou de Caetano Veloso a José Saramago, além de realizar especiais sobre temas como militância LGBTI+, gordofobia e luta indígena. A parceria Rec-Beat 2020 e Revista Continente é parte das comemorações dos 25 anos do festival.

Atrações confirmadas
O festival antecipou alguns nomes desta edição comemorativa de 25 anos. A primeira foi a cantora, compositora e violonista baiana Josyara, que traz ao festival faixas de seu aclamado disco, “Mansa Fúria”. Quem também sobe ao palco é Ana Frango Elétrico, artista e instrumentista carioca com seu “Little Electric Chicken Heart”, um dos mais elogiados trabalhos da nova música popular brasileira. Em seguida foi a vez de Hot & Oreia, dupla revelação do rap brasileiro. Também já foram anunciados os nomes de Flaira Ferro, cantora e compositora recifense que lança no festival seu novo disco, “Virada na Jiraya”, a banda Liniker e os Caramelows e Black Flower (da Bélgica), primeira atração internacional confirmada.

25 anos de Rec-Beat
Criado em 1995, o Rec-Beat é hoje um dos mais importantes festivais de música do Brasil. Idealizado e produzido por Antonio Gutierrez, o Gutie, o evento construiu ao longo desses 25 anos uma história de sucesso e relevância, sobretudo pelo seu interesse em incentivar e dar visibilidade às diferentes sonoridades da música brasileira e internacional, com destaque para a presença afro-latino-americana.

Ao longo de sua história, não só acompanhou lado a lado todas as transformações da música local e nacional como foi um dos agentes dessas mudanças. Do manguebeat ao carimbó, passando pela eletrônica, jazz, rap, rock e brega-funk, o festival sempre celebrou a diversidade cultural que está no cerne do Carnaval da cidade.

O palco do Rec-Beat sempre busca proporcionar uma experiência inesquecível ao público ao propor o encontro de diferentes tribos, classes sociais, gênero, gerações, em um espaço democrático, livre e aberto a todo mundo. O evento é hoje como um dos epicentros da efervescência do carnaval do Recife.

A programação traz nomes nacionais e internacionais no já tradicional palco no Cais da Alfândega, sítio histórico da cidade, além de realizar atividades ao longo do ano e palcos especiais em outras cidades (Caruaru, Fortaleza, João Pessoa e São Paulo, entre outras, já receberam edições do Rec-Beat).

O Festival Rec-Beat é uma realização Rec-Beat Produções com patrocínio Prefeitura do Recife e Cepe, incentivo Funcultura – Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura e Governo de Pernambuco, apoio Copergás, Consulado Geral da França para o Nordeste em Recife, Consulado Geral da República Federal da Alemanha em Recife, Paço Alfândega e Pitú. Mídias parceiras Frei Caneca FM e OGrito!.

Serviço
Festival Rec-Beat – 25ª edição
Data: 22 a 25 de fevereiro de 2020 (sábado até a terça-feira de Carnaval)
Início: 19h30
Local: Cais da Alfândega, Recife, Pernambuco
GRATUITO, AO AR LIVRE, ABERTO AO PÚBLICO
Informações: www.recbeatfestival.com

RECBITINHO (infantil)
Data: 23 a 25 de fevereiro (domingo até a terça-feira de Carnaval)
Início: 15h30
Local: Hall do Paço Alfândega
R. Alfândega, 35 – Bairro do Recife
Programação: Mariane Bigio e Bloco do Neném, Fada Magrinha, O Sambinha, Caboclinho Sete Flexas do Recife e o mágico Rodrigo Lima.
GRATUITO

Edição especial em Caruaru
Data: 15 de fevereiro (sábado)
Início: 16h
Local: Estação Ferroviária, centro, Caruaru, Pernambuco
Programação: Siba, Gabi da Pele Preta, Frente Cumbieiro (Colômbia) e DJ 440 (Terça do Vinil)
GRATUITO
Apoio da Prefeitura de Caruaru e Fundação de Cultura e Turismo

< voltar para home