Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Maria Alice Amorim lança “Pelejas em rede”, um ensaio sobre cordelistas e repentistas

Lançamento será neste sábado (4), no Canto Sertanejo, Box 15 do Mercado da Madalena, às 11h, com sessão de autógrafos e microfone aberto

Reprodução/Capa do livro

Reprodução/Capa do livro

O livro, que estuda as relações das poéticas de oralidade nos meios impressos e na web, foi publicado pela Zanzar Edições, da própria autora, e recebeu incentivo do Governo de Pernambuco, através do Funcultura

A pesquisadora e escritora Maria Alice Amorim lança, neste sábado (4), o seu mais novo livro intitulado “Pelejas em rede”. A obra, que estuda as relações das poéticas de oralidade nos meios impressos e na web, foi publicada pela Zanzar Edições, da própria autora, e recebeu incentivo do Governo de Pernambuco, através do Funcultura. O lançamento acontece no Canto Sertanejo, Box 15 do Mercado da Madalena, às 11h, com sessão de autógrafos e microfone aberto. Quem comanda o recital poético é o músico e poeta Allan Sales. A entrada é gratuita.

Pelejas em rede é uma obra ensaística em que o mote é a peleja de cordelistas e repentistas que, há séculos, guardam variados códigos e simultaneamente entrelaçam elementos poéticos em processo de atualização, combinando formas fixas, ritmo, temas, em desafios, seja ao vivo, impressos ou mediados pela web.

Eric Gomes/Secult-PE

Eric Gomes/Secult-PE

Como contrapartida social ao incentivo promovido pelo Funcultura, Maria Alice Amorim irá realizar conferências nas quatro macrorregiões do Estado, com o objetivo de falar a respeito da temática do livro a públicos diversos, sobretudo estudantes de escolas pública

“São metáforas do mundo em continuidades e descontinuidades de espaço-tempo, em comunicação poética que, mesmo obedecendo a repertórios temáticos e regras formais, instaura novos modos do fazer poético e, simultaneamente, restabelece memórias seculares acionadas pela memória longa”, explica Maria Alice Amorim.

O trabalho é resultado de pesquisas sobre as poéticas de tradição oral que Maria Alice Amorim vem desenvolvendo desde os anos 80. O tema foi, inclusive, aprofundado durante o mestrado e o doutorado, ambos cursados no programa de pós-graduação em Comunicação e Semiótica, na PUC-SP.

Costa Neto/Secult-PE

Costa Neto/Secult-PE

O poeta Allan Sales vai comandar um recital poético durante o lançamento de “Pelejas em rede”, neste sábado (4).

Ao todo, 320 páginas ilustradas se debruçam sobre o assunto. Há, ainda, ao final da publicação, uma síntese preparada pela autora e traduzida para o espanhol e inglês, para que o conteúdo da obra possa ser acessado mais amplamente. A tradução para o espanhol foi realizada pelo professor e tradutor cubano Ciro Uría. A versão em inglês ficou a cargo dos tradutores John Holtappel e Geraldo Maia.

Outras pessoas participam da produção deste livro. A pesquisadora e professora universitária Mônica Rebecca Ferrari Nunes escreveu o prefácio. O projeto gráfico e diagramação são assinados por Patrícia Cruz Lima. A impressão foi feita no parque gráfico da Cepe. A capa é do poeta, editor e gravurista Marcelo Soares.

Como contrapartida social ao incentivo promovido pelo Funcultura, Maria Alice Amorim irá realizar conferências nas quatro macrorregiões do Estado, com o objetivo de falar a respeito da temática do livro a públicos diversos, sobretudo estudantes de escolas públicas. Até meados de maio, a escritora cumpre agenda de palestras nas cidades de Petrolina, Arcoverde, Garanhuns, Caruaru, Nazaré da Mata, Tamandaré, Recife e Olinda.

Serviço:
LANÇAMENTO DO LIVRO “Pelejas em rede”, de Maria Alice Amorim
Editora Zanzar Edições/ Recife, 2019
Sábado (4) | 11h
Canto Sertanejo/ BOX 15 (Mercado da Madalena)
Evento gratuito | Preço do livro: R$ 20
Mais informações: (81) 99774.1554 | vozdadeusa@gmail.com

< voltar para home