Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Projeto Orixamar celebra o Dia de Iemanjá em Pernambuco

A 2ª edição do projeto, que conta com incentivo do Funcultura, acontece nesta terça-feira (8), das 13h às 23h. 14 terreiros de candomblé pernambucanos irão participar do evento

Maker Mídia/Divulgação

Maker Mídia/Divulgação

Evento iniciativa visa conscientizar a população para a convivência com a diversidade cultural e religiosa

O município de Jaboatão dos Guararapes vai celebrar o Dia de Iemanjá, na próxima terça-feira (8), com um encontro de 14 terreiros de candomblé pernambucanos, a partir das 13h, na Praia de Barra de Jangada. Como em Pernambuco a data é celebrada no dia de Nossa Senhora da Conceição, dia 8 de dezembro, o evento, que conta com incentivo do Funcultura, será marcado por uma série de atividades religiosas distribuídas em várias tendas, que contarão com palestras sobre o universo afro-brasileiro e a mitologia dos Orixás, exposições, apresentações de cultura popular, shows musicais e degustações gratuitas de comidas de terreiro. O acesso é gratuito.

Nesta edição, o Orixamar homenageará o Pai José Amaro e a cirandeira Lia de Itamaracá, uma das atrações convidadas no palco show. A iniciativa visa conscientizar a população para a convivência com a diversidade cultural e religiosa e atraiu milhares de pessoas de todas as idades no ano passado. Em meio à festa, que vai contar com apresentações musicais do Afoxé Babá Orixalá Funfun, Maracatu Mirim Luar Percussão, Maracatu Estrela de Sedução, Coco de Dona Selma, Ciranda com Lia de Itamaracá, Cavalo Marinho Boi Pintado, Maracatu de Baque Solto Cruzeiro do Forte, Maracatu de Baque Virado Raízes de Pai Adão e Afoxé Omi Sabá, serão distribuídas comidas de santo para degustação gratuita, como acarajé, vatapá, peixada, ewa dumdum ou feijão de Omulu e o biguiri de Xangô – à base de quiabo, camarão e castanha, entre outras delícias.

O evento acontecerá, mais uma vez, em uma grande estrutura armada na praia de Barra de Jangada, próximo à estátua de Iemanjá, patrimônio cultural material da cidade que, por diversas vezes, já foi vítima de depredação e perseguição por conta de intolerância religiosa. Jaboatão dos Guararapes é o município com maior número de terreiros de Candomblé do Estado, segundo a Associação dos Terreiros de Pernambuco. Quatorze tentas estarão distribuídas pelo local, homenageando dezessete orixás, cada qual com uma babalorixá ou ialorixá como representante: Exu (Pai Antônio), Xangô (Mãe Elza), Ogum (Pai Mário), Oya (Pai Gil), Oxum (Pai Ivanildo de Odé), Yemanjá (Pai Mandará), Ewa (Pai Gilmar), Oxossi (Mãe Gilva de Exu), Obaluaê e Nãnã (Pai Taquara), Logun Edé e Tempo (Pai Emanuel), Oxalá (Pai Jeferson), Oba e Ayrá (Pai Girlano), Ibege (Bete de Oxum) e Ossaim e Oxumaré (Pai Neném).

Vale lembrar que neste ano, a I Exposição Orixamar – Tem Orixás nas Águas de Jaboatão, fruto do evento realizado em 2014, ficou em cartaz no Núcleo de Cultura Afro-Brasileira da Prefeitura do Recife, no Pátio de São Pedro, no Recife, e na Casa de Cultura do Jaboatão, atraindo centenas de pessoas. A exposição, com curadoria de Geraldo Dias e caráter sensorial, pois pretendia transportar os visitantes às águas e ao cheiro da praia, trouxe figurinos e adereços, imagens fotográficas e registros em vídeo do projeto Orixamar em sua primeira edição. Confira a programação completa:

13h – Chegada de Iemanjá na Arena Orixamar
13h – No Palco de Todas as Nações, Afoxé Babá Orixalá Funfun
14h – Maracatu Mirim Luar Percussão
14h30 – Nas tendas dos Orixás, palestras sobre a mitologia dos Orixás
16h – Maracatu Estrela de Sedução
17h – Xirê dos Orixás
18h – Coco de Dona Selma
18h – Nas tendas dos Orixás, degustação de Comida de Santo
18h40 – Homenagens a Lia de Itamaracá e Pai José Amaro
19h – Ciranda com Lia de Itamaracá
20h – Ciclo de Oferendas (em direção ao mar)
20h30 – Cavalo Marinho Boi Pintado
21h – Maracatu de Baque Solto Cruzeiro do Forte
21h30 – Maracatu de Baque Virado Raízes de Pai Adão
22h – Afoxé Omi Sabá

< voltar para home