Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Publicação reúne obra completa do poeta Francisco Espinhara

Lançamento acontece nesta quinta-feira, 16/3, no Recife

Com incentivo do Governo de Pernambuco, por meio do Funcultura, será lançada, nesta quinta-feira (16), a obra completa de Francisco Espinhara, um dos ícones da literatura da Geração 80 e do Movimento de Escritores Independentes do Estado. O lançamento acontecerá às 19h, no Teatro Mamulengo, no Recife antigo. A publicação, que recebeu o nome de ‘A poesia possível’, contou com a organização de Cida Pedrosa, projeto gráfico de Sennor  Ramos e capa de Greg Vieira. Além dos livros publicados pelo autor , contempla também um vasto material inédito preservado pela família e amigos, e ainda textos encontrados em livretos, fanzines e jornais.

Francisco Espinhara nasceu em Arcoverde, no ano de 1960. Aos seis anos de idade, saiu de sua cidade natal para morar no Recife. Escritor, polêmico, pessimista, maldito, boêmio e grande poeta, são algumas das alcunhas atribuídas a ele em vida e até hoje, quando é citado nas rodas literárias. Chico morreu precocemente, há 10 anos.

Divulgação

A obre reúne vários poemas do autor pernambucano, falecido há dez anos

Apesar de ser conhecido mais como recitador e poeta, Espinhara surpreendeu os fãs ao publicar Sangue Ruim e Bacantes, dois livros de pequenos contos, que foram muito bem recebidos e elogiados pela crítica. Além desses, Espinhara também publicou , Vida Transparente (1981), Movimento de Escritores Independentes de Pernambuco (1980-1988) – Histórico e coletânea (2000), Claros Desígnios, em parceria com o poeta Erickson Luna (2006). Publicou os livretos: A batalha pelo poema, Teje preso, seu rapaz e Dose dupla.

convite_a_poesia_possivel

Serviço:
A Poesia Possível (Edições Claranan, 286 págs), R$ 20,00

Lançamento no dia 16 de março, às 19h30, no Teatro Mamulengo, Praça do Arsenal, Recife Antigo.
Recital com Fernando Chile e Silvana Menezes

< voltar para home