Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Tracunhaém, Lagoa do Carro e Nazaré da Mata recebem a 6ª Mostra Canavial de Cinema

Incentivado pelo Funcultura, evento continua com segunda semana de atividades, entre os dias 17 e 28 de janeiro

Foto: Ernesto Rodrigues

Com informações da assessoria

Após passar por Condado e Goiana, a 6ª Mostra Canavial de Cinema entra na segunda semana de atividades, contemplando Tracunhaém (17 e 18), Lagoa do Carro (19 e 20) e Nazaré da Mata (21 e 22), no Assentamento Camarazal, que além das sessões, recebe uma oficina de fotografia com o fotógrafo Ernesto Rodrigues. Explorando exibições com a temática ‘Cinema e Guerrilha’, o festival possui curadoria do jornalista e crítico Fabrício Cordeiro, sendo realizado pelo Núcleo de Produção Engenho Digital (NPED), com apoio do SESC e incentivo do Governo de Pernambuco, por meio do Funcultura.

Realizado desde 2011, com coordenação de Caio Dornelas, o festival divide as exibições em dois programas oficiais com 10 curtas-metragens que serão exibidos em todas as cidades: “Do Canavial para o Mundo” e “Do Mundo para o Canavial”. Entre as películas, destaque para “Mata Norte”, dirigido por Tuca Siqueira, que apresenta o contraste entre a tradição do folclore indígena de Goiana, Zona da Mata Norte, e a promessa de desenvolvimento da fábrica da FIAT. “O delírio é a redenção dos aflitos”, do diretor pernambucano Felipe Fernandes, curta com maior número de premiações pelo júri no Festival de Brasília e selecionado para a Semana da Crítica de Cannes, aborda através do cinema, a guerrilha diária de uma mãe, dividida entre o trabalho diário e o risco de desabamento de um prédio-caixão.

“Couro de Gato”, filme carioca da década de 1960, dirigido por Joaquim Pedro de Andrade, entra num realismo lírico, numa síntese de ficção e documentário, conta a história de garotos que moram numa favela e, às vésperas do carnaval, roubam gatos para os fabricantes de tamborins. Também foram selecionados curtas de diversos estados brasileiros, como Minas Gerais, Ceará, São Paulo e do Distrito Federal.

Na próxima semana, o festival prossegue nas cidades de Vicência, Aliança e São Vicente Ferrer. Confira abaixo a programação ampla e gratuita da mostra.

DO CANAVIAL PARA O MUNDO:
- Rapsódia para o Homem Negro (Gabriel Martins, MG, 2015, 24’)
- Couro de Gato (Joaquim Pedro de Andrade, RJ,  1960, 12’)
- Comand Action (João Paulo Miranda Maia, SP, 2015, 13’)
- O Delírio é a Redenção dos Aflitos (Felipe Fernandes, PE, 2016, 21’)
- Mata Norte (Tuca Siqueira, PE, 2015, 24’)

DO MUNDO PARA O CANAVIAL:
- Rap, O Canto da Ceilândia (Adirley Queirós, DF, 2005, 15’)
- Do Portão pra Fora (Letícia Bina, SP, 2016, 16’)
- Estado Itinerante (Ana Carolina Soares, MG, 2016, 25’)
- Entretempos (Frederico Benevides e Yuri Firmeza, CE, 2015, 8’)
- Na Missão, com Kadu (Aiano Bemfica, Kadu Freitas & Pedro Maia de Brito; MG/PE, 2016. 28’)

TRACUNHAÉM
Local: Praça Costa Azevedo
17 DE JANEIRO
Do Canavial para o Mundo

18 DE JANEIRO
Do Mundo para o Canavial

LAGOA DO CARRO
Local: Praça Manoel Barbosa

19 DE JANEIRO
Do Canavial para o Mundo

20 DE JANEIRO
Do Mundo para o Canavial

NAZARÉ DA MATA
Local: Assentamento Camarazal

21 DE JANEIRO
13h | Oficina de fotografia com Ernesto Rodrigues
19h | Do Canavial para o Mundo

22 DE JANEIRO
13h | Oficina de fotografia com Ernesto Rodrigues
19h | Do Mundo para o Canavial

VICÊNCIA
Local: Praça Trigueiros
24 DE JANEIRO
19h | Do Canavial para o Mundo

25 DE JANEIRO
19h | Do Mundo para o Canavial

ALIANÇA
Local: Distrito de Upatininga (ao lado da Igreja Católica)

26 DE JANEIRO
19h | Do Canavial para o Mundo

27 DE JANEIRO
19h | Do Mundo para o Canavial

SÃO VICENTE FERRER
Local: Centro de Pesquisa e Biblioteca Municipal Dr. Aluísio Inojosa – Oficina | Praça Pedro Pereira Guedes – Exibições

28 DE JANEIRO
13h | Oficina de Elaboração de Projetos Audiovisuais
19h | Do Canavial para o Mundo

29 DE JANEIRO
13h | Oficina de Elaboração de Projetos Audiovisuais
19h | Do Canavial para o Mundo

< voltar para home