Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Funcultura

Workshop de ritmos encerra programação da 1ª Mostra de Coco e Forró de Rabeca

A iniciativa, que conta com incentivo do Funcultura, será transmitida ao vivo pelo canal da produtora Terno da Mata no YouTube

Divulgação

Divulgação

O evento será transmitido ao vivo neste sábado (5), a partir das 16h

A programação da 1ª Mostra de Coco e Forró de Rabeca – Pernambuco na França, um projeto que visa levar a cultura pernambucana para o país europeu através de apresentações bilíngues em formato virtual, chega ao fim, neste sábado (5). E, para finalizar em grande estilo, contará com um workshop de ritmos que contemplará todos os instrumentos que foram utilizados ao longo das apresentações anteriores pelo “Coco de Seu Mané” e pelo “Forró de Rabeca os Tabajaras”, como o bombo, o banzar, o pandeiro e o tarol, também conhecido como caixa. Já para exemplificar o forró, entram em ação também a zabumba, o triângulo e a rabeca. A ideia da oficina é fazer uma demonstração dos ritmos, destacando, principalmente, o forró e coco. A inciativa conta com incentivo do Governo do Estado de Pernambuco, por meio dos recursos do Funcultura.

O workshop será ministrado, às 16h (horário local), pelos irmãos e mestres Ulisses e Lua, com transmissão ao vivo direto do Centro de Capoeira Lua de São Jorge, em Olinda. O público poderá acompanhar a oficina, ao vivo, pelo canal da produtora Terno da Mata (bit.ly/2J8QLhv), no Youtube.

“Queremos mostrar ao público essa instrumentação, a maneira de tocar, o jeito de levar os instrumentos de acordo com cada ritmo, principalmente dentro do coco e do forró. A ideia é levar cultura, informação e diversão para o público, difundindo também a beleza desses ritmos e instrumentos”, explica mestre Ulisses.

O evento iniciou suas apresentações no dia 24 de outubro, com shows dos grupos “Coco de Seu Mané”, “Forró de Rabeca os Tabajaras”, “Coco do Mestre Juarez”, “Coco da Mata”, “Ciranda Terno da Mata” e “Mestre Arruda”. Para as transmissões, foi montada toda uma estrutura com cenografia, quatro câmeras, mesa de cortes e equipamento de transmissão.

O PROJETO - Antes das dificuldades impostas pela pandemia do novo coronavírus, a proposta inicial era realizar apresentações dos grupos pernambucanos em locais de destaque da cena cultural francesa. Infelizmente, os planos precisaram ser adaptados de forma que o projeto fosse cumprido, porém respeitando as normas de segurança. Mas há benefícios também. O produtor cultural Sérgio Melo, da Terno da Mata, reforça que o formato virtual do evento fez com que a rede de apoio de artistas pernambucanos na Europa aumentasse, ganhando força e ainda mais repercussão. Assim, além de ser exibido em instituições francesas, países como Inglaterra, Itália e Portugal também entrarão no circuito.

Entre os parceiros internacionais da mostra, estão os franceses da Jazzbox Radio International e a Capoeira Viola, instituição fundada em 1993, sendo considerada a primeira associação de capoeira em Paris. “A ideia é essa, levar a cultura de Pernambuco, com seu coco de roda e forró de rabeca, para o mundo. Estamos falando de Europa, mas até nos Estados Unidos está havendo um movimento nesse sentido. Isso abre caminhos, valoriza nossas tradições e artistas. Toda a programação da Mostra foi pensada para conectar a ancestralidade e tradições culturais pernambucanas à musicalidade da rabeca, instrumento que ainda ecoa no imaginário musical europeu desde a era medieval”, explica Sérgio Melo, organizador da Mostra.

Serviço
Encerramento da 1ª Mostra de Coco e Forró de Rabeca – Pernambuco na França
Quando: sábado, 5 de dezembro, às 16h
Transmissão ao vivo pelo Canal Terno da Mata no Youtube (bit.ly/2J8QLhv)

< voltar para home