Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Literatura

A viola dá o ritmo da contação de história com Viramundos

Histórias e viola animam público infantil na manhã desse sábado (25) na Praça da Palavra

Por: Raquel Holanda

O ritmo da viola foi o toque que embalou a contação de histórias dessa manhã (25) na Praça da Palavra. O contador Vinicius Viramundos animou o público infantil presente com histórias da cultura popular e clássicos da literatura infantil, como João e Maria, dos irmãos Grimm.

Na verdade o que nos conhecemos como clássico na literatura internacional são populares noutros países. Por isso, vejo meu trabalho como algo que se inspira na poesia popular, na literatura oral, nas culturas populares de uma maneira geral”, explicou Vinícius Viramundos. A intenção do contador de histórias é trazer a cultura oral e popular através de novas atitudes para que ela permaneça na cultura infantil.

Na plateia, eram as crianças as mais animadas e participativas. O poeta mal começava a contar suas histórias, e as crianças caiam na gargalhada. “Eu adorei vir para cá, a história da garrafa que virou estrela foi muito divertida”, disse o pequeno Luan Matos, de 5 anos, ao final da apresentação.

Para entreter as crianças, o artista não só utilizou-se da cultura popular oral, ele também buscou ajuda de um dos instrumentos musicais mais comuns da cultura popular brasileira, a viola. “A viola carrega em si um caráter muito popular. O encontro com a viola foi por enxergar nela um tradutor de todo o sentimento que eu tinha dos contos e cultura popular”, comentou Viramundos sobre a opção pela união da conotação de histórias e a viola.

< voltar para home