Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Literatura

Secult-PE prorroga inscrições para seleção do projeto ‘A Gente da Palavra’

Os interessados poderão se inscrever até a próxima quinta-feira (7/7)

Costa Neto/Secult-PE

Dez comunidades pernambucanas contarão com ações da iniciativa

O Governo do Estado de Pernambuco, através da Secult-PE/Fundarpe, estendeu, até a próxima quinta-feira (7/7), o prazo das inscrições da convocatória que irá selecionar os novos mediadores de leitura do projeto “A Gente da Palavra”, que, nessa nova fase, vai promover atividades de leitura e circulação de livros em dez comunidades atendidas pelo Programa Governo Presente de ações integradas de Cidadania, nas cidades do Recife, Caruaru e Jaboatão dos Guararapes.

Os bolsistas do projeto serão selecionados por meio de uma Convocatória Pública, disponível aqui. Podem participar da seleção jovens de todos os sexos, entre 18 e 29 anos, que tenham completado o Ensino Médio e que residam nas comunidades Lagoa Encantada, UR-3, e Ilha de Santa Terezinha, no Recife; Cajueiro Seco, Jaboatão Velho e Prazeres, em Jaboatão; e Centenário, São Francisco e Monte Bom Jesus, em Caruaru. A carga horária total da Formação de Agentes de Leitura é de 144 horas/aula, incluindo conteúdo teórico e acompanhamento do trabalho de campo nas comunidades de origem. A bolsa de complementação de renda mensal será no valor de R$ 350,00, durante 10 meses. Jovens interessados devem realizar inscrições no período de 8 a 27 de junho, de forma gratuita, pelo e-mail agentedapalavra@gmail.com, ou presencialmente, na sede da Secult-PE (Rua da Aurora, 463/469, Boa Vista/Recife) ou no Museu do Barro de Caruaru (Praça Cel. José de Vasconcelos, 100, Centro).

No ato da inscrição, candidatos precisam incluir no envelope ou anexar ao e-mail cópias do formulário de inscrição devidamente preenchido e assinado; do documento de identificação com foto; do Certificado de Conclusão do Ensino Médio ou declaração de vínculo no Ensino Superior; e de Comprovante ou declaração de residência. Além do estímulo à realização de atividades como saraus e leituras mediadas, os jovens agentes do projeto também vão circular com livros em ‘bibliotecas móveis’ (bicicletas adaptadas), possibilitando aos moradores tomarem obras emprestadas, voltadas para todos os públicos.

Leia mais
‘A Gente da Palavra’ seleciona mediadores de leitura

< voltar para home