Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Literatura

Sertão do Moxotó contribui para elaboração do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas

Escuta aos diversos agentes da cadeia cultural elencou propostas que ajudarão na elaboração do Plano

A elaboração participativa do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (PELLLB) deu mais um passo importante na última quarta-feira, 30 agosto. Um encontro em Arcoverde reuniu gestores públicos, professores, artistas e agentes do setor de bibliotecas, que discutiram o cenário atual e apontaram propostas que ajudarão na elaboração do projeto de lei.

Divulgação

Divulgação

Dezenas de agentes da cadeia do livro, leitura, literatura e bibliotecas participaram da atividade

A articulação encabeçada pelas Secretarias Estaduais de Cultura e de Educação, além do Fórum Pernambuco em Defesa das Bibliotecas, Livro, Leitura e Literatura, gerou reflexões sobre questões importantes como infraestrutura e corpo técnico das bibliotecas escolares, formação continuada de profissionais e visibilidade dos escritores e poetas pernambucanos.

A atualização dos parâmetros legais que orientam as políticas públicas para o setor no estado é uma necessidade e uma luta histórica do segmento. Em 2012, o poder público e o Fórum deram início a um processo mais organizado de reuniões e plenárias focado na construção do Plano decimal. “Uma nova lei será proposta, estabelecendo metas de curto, médio e longo prazos, a partir dessas escutas que ajudam a construir uma proposta participativa, transparente de democrática”, comenta Mariane Bigio, coordenadora de Literatura da Secult-PE.

Em fase final de escutas a representantes dos três elos da cadeia (criativo, mediador e produtivo), o processo participativo já chegou a 8 municípios pernambucanos. As últimas reuniões estão agendas para o dia 11/09 (Caruaru), 12/09 (Nazaré da Mata), 13/09 (Olinda) e 14/09 (Limoeiro). Depois desta etapa, o Grupo de Trabalho do PELLLB vai sistematizar as propostas recolhidas, sugerir metas e apontar estratégias que ampliem conquistas e superem dificuldades que ainda persistem.

Divulgação

Divulgação

Após a apresentação inicial, grupos de trabalho avaliaram problemas e apontaram alternativas para superação de dificuldades

PARTICIPAÇÃO

A coordenadora de biblioteca da EREM Olavo Bilac (Sertânia), Cristina Galindo de Queiroz, aceitou o convite do GT e participou da atividade em Arcoverde. “Acho de suma importância esse processo porque está ouvindo as partes envolvidas, não é algo de cima pra baixo. Dessa forma, podemos construir uma proposta mais real, mais ‘pé no chão’. Precisamos ter uma política com ainda mais força direcionada para a educação, a biblioteca é o coração da escola, precisa ser um espaço adequado, que motive os estudantes”, destacou a professora, que atua na rede estadual há 27 anos.

Também contribuindo com as discussões, a Secretária Executiva de Educação de Arcoverde, Zumira Maria Cavalcante, registrou o momento como “muito importante para a educação e uma oportunidade rara de encontro entre professores, gestores e artistas pensando, juntos, uma escola melhor”. O Município comemora o envolvimento recente de centenas de estudantes na Semana Literária, que promoveu encontros entre escritores da região e a comunidade escolar.

O poeta José Sandro Andrade, que também é professor em Sertânia, vai guardar na memória a participação na escuta como “uma oportunidade de colocar nossas angústias, expectativas, ideias e propostas que contribuam para a essa ferramenta fundamental que é o Plano”. Entre os gargalos que ainda precisam ser enfrentados, o escritor destaca “o pouco acesso de setores mais populares à literatura” e aponta como alternativa para mudança desse cenário “a publicação – por parte dos municípios – das obras de escritores locais, que sejam lançadas nas periferias, promovendo encontros entre escritores e a população”.

Confira o Calendário de Escutas para construção do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (PELLLB):

CARUARU
Segunda-feira, 11/09
Das 9h às 13h
Local: Auditório da GRE Caruaru
Rua Olavo Bilac, s/n- Indianópolis

NAZARÉ DA MATA
Terça-feira, 12/09
Das 9h às 13h
Local: Auditório da GRE Mata Norte – Nazaré. Rua Coelho Neto, S/Nº, Juá

OLINDA
Quarta-feira, 13/09
Das 9h às 13h
Local: Auditório Nelson Correia, Rua 15 de Novembro 184, Varadouro

LIMOEIRO
Quinta-feira, 14/09
Das 9h às 13h
Local: Auditório da GRE Vale do Capibaribe – Limoeiro. Av. Geronimo Heráclito,
234, Ed. Pe. Nicolau Pimentel, Centro

HISTÓRICO

Entre 2013 e 2015, foram realizadas várias pré-escutas itinerantes sobre a situação das bibliotecas públicas, escolares e comunitárias, por todo o estado de Pernambuco, além de três Encontros Estaduais de Bibliotecas Públicas, Escolares e Comunitárias e uma pré-escuta aos elos criativo e produtivo do livro.

Esses levantamentos prévios, além das escutas dos fóruns setoriais, conferências de cultura e planejamento estratégico da Secult-PE, embasaram a elaboração de instrumentos e metodologia para a ampliação do mapeamento do setor em todo o estado de Pernambuco ao longo de 2016 e 2017.

A 1ª Escuta Pública aconteceu no Sertão do São Francisco em maio de 2016, durante o 3º CLISERTÃO – Congresso Internacional do Livro, Leitura e Literatura no Sertão, importante evento do setor do Livro, em Petrolina, e contou com a participação de escritores, editores, professores, bibliotecários, mediadores de leitura de Petrolina e municípios vizinhos.

Após essa escuta, aconteceu a Audiência Pública conduzida pela Comissão de Educação e Cultura da Assembleia Legislativa de Pernambuco, em 11 de maio de 2016, na qual foram apresentados alguns dados sobre o setor LLLB em Pernambuco, a metodologia a ser aplicada na construção do plano e também informações atuais sobre o movimento nacional em torno da construção dessa política. A audiência tornou público o processo de construção do planejamento estratégico para a política do setor do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, informou e sensibilizou a sociedade civil, os poderes executivos e legislativos municipais e estadual para participarem ativamente dessas ações.

Em dezembro de 2016 foi formado o Grupo Executivo do PELLLB, com integrantes da Sec. Educação e de Cultura do Estado, além de representantes eleitos da Sociedade Civil, dos elos produtor, mediador e criativo da Cadeia produtiva do Livro. O Grupo se reúne mensalmente e atua na linda de frente da elaboração do plano.

< voltar para home