Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Festival pernambuco nação cultural

Belmonte inteira vai dançar forró

O grupo Fim de Feira é uma das principais atrações desta sexta (24) / Foto: Beto Figueirôa

O grupo Fim de Feira é uma das principais atrações desta sexta (24) / Foto: Beto Figueirôa

Por Leonardo Vila Nova

Do inglês for all, que quer dizer “para todos”, o forró faz jus ao nome e é um dos ritmos mais populares do Brasil, juntando todas as idades e classes sociais, sem qualquer distinção. E é essa “democracia cultural” que vai dar a tônica do FPNC Sertão Central, na cidade São José do Belmonte, durante o fim de semana. Nesta sexta (24/5) e sábado (25/5), diversas atrações se revezarão no palco do Estádio Carvalho para promover aquele “rala-bucho” danado, como bem gosta todo bom pernambucano.

Quem abre o festival nesta noite é a Banda Paixão Nordestina & Jackson da Sanfona, a partir das 20h. Formada no final de 2005, inicialmente era apenas um trio, mas à medida que foi ganhando espaço dentro e fora da cidade, acabou se transformando num grande grupo, que hoje é referência em São José do Belmonte. Sob a batuta de Jackson da Sanfona – idealizador do projeto – a Banda Paixão Nordestina segue levando o nome da cidade natal para todo o Nordeste, colecionando participações em eventos como as festas de São João de Caruaru, Campina Grande (PB), Maracanaú (CE) e Senhor do Bonfim (BA). O xote é o principal ingrediente do seu forró, fazendo todo mundo dançar agarradinho.

Quem também participa da festança nesta sexta é a banda recifense Fim de Feira, que traz um forró com jeitão mais contemporâneo, com um trabalho autoral elogiado em todo o Brasil. A banda foi vencedora do Prêmio da Música Brasileira, em 2009, na categoria Melhor Grupo Regional, apostando no diálogo de tradição e modernidade e numa variedade de ritmos impressionante, o que lhe rendeu, nos últimos anos, passagens pela Europa e Caribe, além de rodar todo o Brasil. Na salada dos músicos, há de um tudo: carimbó, coco, maxixe, cantigas de viola, poesia de cordel e, óbvio, o forró, que dá a liga dessa mistura. O repertório de hoje passeia pela obra da banda, incluindo o seu mais recente CD, “De todo jeito a gente apanha”, lançado no ano passado, com produção de Yuri Queiroga e participações de Silvério Pessoa, Zé Brown e Elba Ramalho.

Ainda passarão pelo palco nesta noite Claudiana de França, Joãozinho do Exu e Adelmário Coelho.

E a festa continua…

Para quem ainda tem disposição para mais uma noite de arrasta-pé, a programação de shows do FPNC Sertão Central continua neste sábado (25/5), no Estádio Carvalho. Quem abre a noite é o grupo Coração de Poeta, de Sertânia, encabeçado pelo artista Kalu Vital. O projeto surgiu em 2011, como uma homenagem ao poeta Walmar Belarmino de Sousa, e traz como principal vertente das suas apresentações o lirismo e a poesia, vestidos por músicas, figurinos e interpretações originais.

Outra figura marcante na programação é o cantor e compositor Flávio Leandro. Natural de Bodocó, o músico compõe desde criança, e tem como fonte de inspiração das suas canções a vida do homem sertanejo. As cantigas dos pássaros, o berro do bezerro, o pisado de milho no pilão, o gemido das rodas de carro de boi, as cigarras, tudo está presente em sua obra. E para musicar essa poesia, não poderia haver melhor ritmo que o forró, transformando-se em canções que ganharam o mundo nas vozes de artistas como Elba ramalho, Flávio José, Santana, Jorge de Altinho, entre outros.

Ricardo Moura/Secult-PE

Ricardo Moura/Secult-PE

Josildo Sá encerra a programação, com seu Samba de Latada

Encerrando a programação de shows em São José do Belmonte, quem sobe ao palco é o músico Josildo Sá, que vai mostrar o seu autêntico samba de latada. São 15 anos de carreira desse artista que vem se consagrando por reunir em sua música elementos do forró e do samba – ambos, na década de 40, serviam para designar um tipo de festa popular onde se tocava do baião ao chorinho. Com seu carisma e instigação invejáveis, Josildo consegue agregar ao forró a levada do samba e a malemolência da gafieira, através de uma linguagem que traduz, em contemporaneidade, a tradição nordestina, que pode ser dançada tanto no chão de terra batida como num salão lustrado. No repertório do show, além de canções dos seus discos – incluindo o clássico “Samba de latada”, feito em parceria com o saudoso clarinetista Paulo Moura, Josildo vai interpretar músicas de Luiz Gonzaga e Jackson do Pandeiro.

Também subirão ao palco neste sábado, Anchieta Dali e Paulo Matricó e a cantora Márcia Pequeno.

Confira a programação:

Palco Nação Cultural (Estádio Carvalho)
a partir das 20h

Sexta-feira, 24/5
- Paixão Nordestina & Jackson da Sanfona
- Claudiana de França
- Joãozinho de Exu
- Fim de Feira
- Adelmário Coelho

Sábado, 25/5
- Coração de Poeta
- Márcia Pequeno
- Anchieta Dali & Paulo Matricó
- Flávio Leandro
- Josildo Sá

< voltar para home