Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Festival pernambuco nação cultural

Mostra de cinema mudou rotina de Tacaimbó

População foi à praça assistir a filmes pernambucanos (Fotos: Ricardo Moura)

População foi à praça assistir a filmes pernambucanos (Fotos: Ricardo Moura)

Por Giselly Andrade

A praça de eventos de Tacaimbó estava bem diferente do usual na noite de ontem (quarta, 15/8), quando a cidade recebeu a Mostra de Cinema na Estrada, pela programação do Festival Pernambuco Nação Cultural do Agreste Central. A iniciativa está levando produções pernambucanas para serem exibidas nos municípios da região, como geralmente acontece no FPNC.

Nessa edição, a mostra já passou pelas cidades de São Bento do Una e Brejo da Madre de Deus. Em Tacaimbó, foram exibidos os curtas “Fulô de açucena”, de Marcos Carvalho; “Vou estraçaiá”, de Tiago Leitão; “Lapada seca”, do Coletivo Macunaíma Colorau em parceira com o Povo Indígena Truká; “Dia estrelado”, de Nara Normande; “A menina de algodão”, de Daniel Bandeira e Kleber Mendonça Filho; e “Até o sol raiá”, de Fernando Jorge e Leandro Amorim.

A professora Geane da Silva, 28 anos, levou seus alunos para a exibição. Para ela, a cidade só tem ganhar com esse tipo de ação. “Nunca vi nada parecido aqui em Tacaimbó. É uma emoção muito grande poder assistir ao cinema assim ao ar livre. É lindo”, disse a professora, que afirmou ainda que pretende usar o audiovisual como uma nova maneira de ajudar os estudantes em sala. “Eles estão muito interessados, irei pesquisar melhor sobre o cinema pernambucano para usá-lo nas minhas aulas”, completou. A boa receptividade do público podia ser facilmente percebida durante a mostra. Alguns mal piscavam para não perder nenhum detalhe e os comentários sobre as produções eram sempre muito positivos.

Geane quer usar filmes na aula (Foto: Ricardo Moura)

Geane quer usar filmes na aula (Foto: Ricardo Moura)

 

Luiz Rubem, diretor de cultura da cidade de Tacaimbó, acredita que ações como essa só tendem a enriquecer a visão dos jovens sobre a cultura. “Temos que incentivá-los a conhecer melhor as produções do nosso estado. Quem sabe assim algum deles não se interessa ao ponto de deixar de ser um mero telespectador para ser um produtor também?”, indagou Rubem, que observou o quanto alguns se identificaram com algumas histórias exibidas.

No FPNC Agreste Central, a Mostra de Cinema na Estrada vai percorrer ainda as cidades de Agrestina, São Caetano e Sanharó. A exibição é gratuita.

Confira a programação da Mostra Cinema na Estrada:

Agrestina
Quinta-feira, 16 de agosto
Horário: 19h
Local: Praça Padre Cícero – Centro

Sanharó
Sexta, 17 de agosto
Horário: 19h
Local: Rua Major Sátiro, em frente à Prefeitura

São Caetano
Sábado, 18 de agosto
Horário: 19h
Local: Rua Josué Gomes, em frente à Prefeitura

< voltar para home