Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Festival pernambuco nação cultural

Sertânia teve o melhor do som e da poesia regional

Mazinho de Arcoverde brilhou no Palco Nação Cultural de Sertânia ontem (Foto: Ricardo Moura)

Mazinho de Arcoverde brilhou no Palco Nação Cultural de Sertânia ontem (Foto: Ricardo Moura)

Primeira noite musical de Sertânia, ontem, foi de música e verso na veia

Por Cirlene Leite

Abrir a noite de apresentações do Palco Nação Cultural de Sertânia não é para qualquer um, não. Tinha mesmo que ser bom de poesia na terra de grandes escritores e o Coração de Poeta, claro, tirou de letra, digo, de verso! O grupo iniciu a noite de sexta e foi criado por Calu Vital, cantor-compositor-poeta da cidade. Tem menos de dois anos, mas já caiu nas graças dos sertanienses. E não é para menos, pois tem tudo do que eles gostam: o show mistura música e cantoria; poesia e repente.

Na apresentação, Júnior Cordel e Gaudêncio Neto se alternaram no palco e quando pegaram o microfone, arrancaram do peito as rimas, ecoando na Praça de Eventos da cidade a expressão: “É isso aí!”. Vestindo gibão e perneira de couro, e carregando a bandeira de Sertânia, Gaudêncio protagonizou um dos melhores momentos do show do Coração de Poeta, levando o público mais uma vez ao delírio. Uma mistura de orgulho e pertencimento, que só a poesia provoca nos moradores da terra.

Foi neste clima que Zé Caboclo e sua banda, de Ibimirim, subiu ao palco para o segundo show da noite de Sertânia no Festival Pernambuco Nação Cultural 2012 – Sertão do Moxotó. E começou com muito xote e baião pra não deixar a peteca cair. As músicas de Luiz Gonzaga atraíram alguns casais, que deslizavam no ritmo do pé-de-serra, na “pista de dança” a céu aberto. “A gente aqui precisa de eventos assim, porque festa tem muita na região, mas com aquelas bandas barulhentas que não dá pra aguentar”, confidencia o morador Hilton Gomes Pinheiro. A esposa Tássia concorda e ainda reforça: “Mas precisa ser com mais frequência, aqui temos carência de shows de qualidade”.

Mazinho de Arcoverde parece ter ouvido o recado de Tássia quando entrou em cena para fazer o terceiro show da noite. Com 17 anos de música, Mazinho tem bagagem e o reconhecimento do público da região do Moxotó. Já fez parte da Orquestra Marajoara de Sertânia, da Super Oara, de Arcoverde e foi fundador do Grupo Nozes e Vozes de Sertânia, com a forrozeira Cristina Amaral. Como carreira solo e com essa formação são nove anos, e o que não falta mesmo é música de bom gosto no show de Mazinho de Arcoverde. No repertório, ele foi de Petrúcio Amorim, Acyole Neto, Maciel Melo, Luiz Gonzaga e por aí vai…

As crianças que estavam em frente ao palco deram um show à parte, dançando forró com molejo e coreografias ensaiadas, chamando a atenção do público que a essa altura já tomava conta da praça e não arredou pé, nem mesmo quando houve uma queda de energia.

A atração que veio depois, a Banda Forró Patchoull, também de Sertânia, manteve o mesmo ritmo e animação. E olhe que já passava da meia noite quando os jovens da banda subiram ao palco. O grupo surgiu na cena musical a partir de um projeto da Casados Estudantes de Pernambuco. Um projeto que saiu do papel diretamente para ospalcos e shows dançantes com o que há de melhor na região.

Fim de Feira

Bruno Lins, da Fim de Feira, também soltou o verso (Foto: Ricardo Moura)

Bruno Lins, da Fim de Feira, também soltou o verso (Foto: Ricardo Moura)

A banda Fim de Feira, do Recife, fechou a primeira noite de atrações do FPNC em Sertânia. Misturou ritmos, foi do coco ao baião, com forró e até cordéis recitados por Bruno Lins. Esta mistura é uma característica da banda que já conquistou o prêmio TIM de Melhor Música Regional em 2009. O nome Fim de Feira foi uma homenagem ao título de uma poesia de Dedé Monteiro, poeta de Tabira. Como se vê, esta trupe também estava em casa, em meio ao clima poético de Sertânia, mesmo sendo da capital. É como eles mesmos costumam dizer: “Todos nós temos um pé no interior, raízes na cultura popular!”

< voltar para home