Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

PATRIMÔNIO CULTURAL

Festival em Olinda celebra legado de Selma do Coco

O 1º Festival Mestres de Pernambuco contará com apresentações gratuitas de vários artistas e grupos da cultura popular pernambucana.

Costa Neto

Costa Neto

Na foto, Dona Selma durante apresentação em 19 de julho de 2014, no 24º Festival de Inverno de Garanhuns

Por Roberto Moraes Filho

Para homenagear os 86 anos de nascimento da eterna rainha do coco, Dona Selma, completados no último dia 10 de dezembro, o Festival Mestres de Pernambuco realiza neste sábado (19), em Olinda, um grande encontro de artistas e grupos da cultura popular pernambucana. Sendo aberto ao público, o festival acontece a partir das 18h, no coreto da Praça do Carmo, agregando apresentações de afoxés, cocos, caboclinhos, maracatus e artistas independentes.

Entre as atrações, As Netas de Selma, Afoxé Ylê de Xambá, Estrelinha do Coco, Lucas dos Prazeres, Coco dos Pretos, Caboclinho Canindé de São Lourenço, Coco Chinelo de Iaiá, Coco Besouro Mangangá, Maracatu Nação Pernambuco, Afoxé Alafin Oyó, Benedito da Macuca, Hozana Nascimento, Coco das Mulheres, As Filhas do Coco, Marquinhos de Pilares, Iran Calixto e Carlinhos Monte Verde, são alguns dos destaques do evento.

Segundo Sônia Costa, organizadora do evento e produtora cultural, a realização do festival tem como base garantir que mestres da cultura popular sejam sempre lembrados, evidenciando o potencial e a riqueza dos saberes populares. “Esta iniciativa a qual pretendemos dar continuidade, não só ao legado de Selma do Coco, mas de vários artistas e mestres atuantes no cenário cultural pernambucano. A cultura popular precisa e pode ser mais valorizada”, destacou Sônia.

O grupo As Netas de Selma, que já existe há três anos e é composto por Jaqueline, Gabriela, Camila e Sabrina, preparou surpresas para a apresentação deste sábado. ”Elas vão interpretar várias músicas do repertório da avó e também apresentar ao público duas músicas inéditas, que  farão parte do próximo trabalho musical do grupo”, adiantou a produtora.

O festival também contará com um ponto de arrecadação de alimentos não perecíveis e brinquedos, que serão doados para famílias e crianças nesta temporada do ciclo natalino.

Selma do Coco, que foi Patrimônio Vivo de Pernambuco, faleceu em 9 de maio de 2015. Confira aqui mais detalhes sobre a sua trajetória cultural.

Serviço:
1º Festival Mestres de Pernambuco (Homenagem a Selma do Coco)
Quando: sábado, 19 de dezembro
Horário: a partir das 18h
Local: coreto da Praça do Carmo, em Olinda
Acesso gratuito

< voltar para home