Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

PATRIMÔNIO CULTURAL

Fundarpe valoriza patrimônios pernambucanos com estande na 18ª Fenearte

Até o próximo domingo (16), quando se encerra a feira, o público poderá conhecer um recorte sobre os Patrimônios Culturais de Pernambuco

Jan Ribeiro/Secult-PE

Jan Ribeiro/Secult-PE

Espaço fica localizado na Rua 1, números 14 e 15, e segue aberto ao público até o último dia da feira – que encerra no próximo domingo (16).

Com a proposta de apresentar um recorte dos Patrimônios Materiais, Imateriais e Vivos de Pernambuco, a Fundarpe apresenta durante a 18ª edição da Fenearte um estande com várias atividades, que vão desde exposições fotográficas a jogos de computador que tratam da cultura do estado. Produzido pela Gerência de Preservação Cultural da Fundarpe, o espaço fica localizado na Rua 1, estandes 14 e 15, e segue aberto ao público até o último dia da feira – que encerra no próximo domingo (16).

De acordo com Raphaela Rezende, uma das arquitetas idealizadoras do estande da Fundarpe na Fenearte, a concepção do espaço procura falar sobre todos os patrimônios culturais de Pernambuco. “Partimos da ideia da representação do mapa do Estado dividido pelas 12 regiões de desenvolvimento, do Sertão à Região Metropolitana do Recife, o ambiente mostra através de textos, imagens e atividades interativas as diversas manifestações culturais de cada região”, explica.

Jan Ribeiro/Secult-PE

Jan Ribeiro/Secult-PE

No local há uma parede com quatro linhas de imagem, e cada linha representa uma região do estado (sertão, agreste, zona da mata e RMR)

No local há também um espaço com exposição de fotos que representam as macrorregiões do estado (Sertão, Agreste, Zona da Mata e RMR), com os Patrimônios Vivos, os bens registrados e os últimos bens tombados do Estado de Pernambuco. O estande ainda abriga iniciativas que buscam gerar interação direta com o público: foram dispostos 60 monóculos com imagens de todos os Patrimônios Vivos e registrados, além de alguns bens tombados. Ainda dentro da proposta de diálogo com o público foram disponibilizados dois computadores com o jogo A Saga do Caboclo de Lança, produzido pela Cabra Quente Filmes com o incentivo do Funcultura, o game é inspirado nas manifestações da cultura popular pernambucana.

Os visitantes também podem assistir a vídeos sobre os Patrimônios Culturais de Pernambuco, além de conferir produtos incentivados pelo Funcultura como livros, DVDs e CDs. Alguns exemplares estão disponíveis para doação aos interessados.

Jan Ribeiro/Secult-PE

Jan Ribeiro/Secult-PE

Foram dispostos no estande da Fundarpe 60 monóculos com imagens de todos os Patrimônios Vivos e registrados, além de alguns Materiais.

“As pessoas se impressionam bastante com os bens tombados do Estado, e admitem desconhecer muito dessa área. Elas conhecem mais os Patrimônios Vivos, talvez pela relação direta deles com apresentações e aproximação com a população. O trabalho que a gente desenvolveu aqui foi o de tentar exatamente aproximar este público do patrimônio pernambucano como um todo”, revela a arquiteta Eva Passavante, que também participou da realização desse estande. Completam a equipe os colaboradores Flávio Barbosa e Jacira França, designer e socióloga que integram a Gerência de Preservação Cultural da Fundarpe.

Palco de cultura popular na Fenearte - Outra atividade organizada pela Fundarpe é a realização de uma programação artística com apresentações de Patrimônios Vivos de Pernambuco e grupos de várias regiões do estado. Entre as atrações, o Maracatu Leão Coroado, o Bloco de Máscaras Trovadores em Folia, Aurinha do Coco, as Filhas de Baracho, Lia de Itamaracá e o Homem da Meia Noite, que finaliza a programação neste domingo (16).

Confira abaixo a programação de Cultura Popular da 18º Fenearte:

Sexta-feira, 14/07
18h – Caboclinho Oxossi Pena Branca
18h – Suzana Morais – Clássicos em Cordel para crianças (mezanino infantil)
20h – Afoxé Oxum Pandá

Sábado, 15/07
16h – Coro Infantil do CPM com o espetáculo Arrasta Pé
17h – Jardim da Flor (mezanino infantil)
18h – Maracambuco
20h – Lia de Itamaracá | Patrimônio Vivo

Domingo, 16/07
18h – Orquestra de Pau e Cordas Evocação
20h – O Homem da Meia Noite | Patrimônio Vivo

< voltar para home