Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Secretaria de Cultura

Governo de Pernambuco garante um São João da tradição nos municípios do Estado

Através da Secult/Fundarpe e Seturel/Empetur, Pernambuco terá festas em palcos, terreiros e arraiais, em mais de cinquenta cidades

Manter a tradição das manifestações juninas, sobretudo no interior, com destaque para os artistas, trios e grupos de forró, banda de pífanos, bumba meu boi, cavalo marinho, ciranda, coco, bacamarteiros, xaxado, entre outros. Esta é a função do incentivo que o Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Cultura/Fundarpe e Secretaria de Turismo/Empetur, fez este ano nas festas juninas de todo município do estado. Mesmo com um cenário econômico desfavorável, foram contratados em torno de 300 apresentações, que irão tocar em mais de cinquenta municípios de todo estado.

A seleção dos artistas e grupos que irão animar as diversas festividades juninas no estado foi feita a partir da Convocatória do Ciclo Junino 2016, que priorizou fortemente artistas e grupos de Pernambuco e as expressões típicas da tradição. Ao todo, 765 propostas de shows, cortejos e espetáculos juninos foram enviadas para análise. Deste total, 700 cumpriram todas as exigências constantes na convocatória e ficaram aptas para serem contratadas. Assim como vem acontecendo nos últimos anos, a contratação artística, tanto pela Fundarpe quanto pela Empetur, acontece a partir de diálogos com as prefeituras dos municípios que vão fazer a festa junina.

Toni Braga/SecultPE

Toni Braga/SecultPE

Quadrilha Junina Bacamarte foi uma das atrações do São João na Casa da Cultura

“Podemos dizer que, da parte do apoio do Governo do Estado, será um São João da tradição, com a participação da nata do forró pernambucano e dos artistas e grupos que representam o período junino que, em Pernambuco, é um dos mais celebrados do país”, pontua o secretário de Cultura de Pernambuco Marcelino Granja.

Dezenas de artistas da tradição junina estão sendo contratados para os mais diversos municípios do estado. Entre eles, Alceu Valença, Elba Ramalho, Assisão, Beto Ortis, Adiel Luna, Cristina Amaral, Cezzinha, Dudu do Acordeom, Família Salustiano, Irah Caldeira, Geraldinho, Geraldo Azevedo, Jorge de Altinho, Josildo Sá, Jaiminho de Exu, Nádia Maia, Petrúcio Amorim, Santanna, Os Três Cariris, entre outros.

“Mesmo num cenário econômico adverso, podemos comemorar, pois muitas cidades quiseram bancar esta tradição e o Governo, como vem fazendo todos os anos, está entrando como um parceiro importante para que os municípios consigam fazer suas festas, priorizando, nas contratações, aqueles grupos e artistas de fato mais ligados às tradições juninas”, comenta a presidente da Fundarpe, Márcia Souto.

Além dos shows em palco, a participação do Governo de Pernambuco no São João inclui apoios a diversos arraiais tradicionais, que acontecem em bairros de toda Região Metropolitana do Recife, e em algumas cidades do agreste. Entre eles, O Arraial da Palha e da Vila dos Pescadores, em Olinda, o Arraial Deixa Falar, em Casa Amarela, o Arraial da Mustardinha, Arraial São José no Forró, no Bairro de São José, Palhoção Junino Flor de Cheiro, no Ibura, São João da Vila dos Pelados, em Caruaru, Arraial dos Gordinhos, no Alto José do Pinho, Roda de Sanfona do Nosso Quintal, etc.

“Pernambuco dará mais uma prova que temos o maior e melhor São João do mundo. Procuramos diversificar as atrações e promover a descentralização dos polos, atendendo a vários municípios, privilegiando os artistas locais e garantindo uma grande festa para nossos turistas. Esperamos receber cerca de 600 mil visitantes durante o período, gerando um impacto econômico importante para todo o Estado. Só na ocupação hoteleira devemos chegar a 80% da ocupação”, afirmou o secretário de Turismo, Esportes e Lazer, Felipe Carreras.

PROJETOS ESPECIAIS DA SECULT/FUNDARPE

Além da contratação dos artistas através da Convocatória, o investimento do Governo de Pernambuco no São João envolve também o incentivo a importantes festas que acontecem na Região Metropolitana do Recife e na Mata Norte. Na Casa da Cultura, a Secult e Fundarpe realizam apresentações de coco e quadrilhas. Além de estimular a visitação e promover a ocupação com projetos artísticos dos espaços culturais, ainda valoriza ainda mais as manifestações do período junino.

Outra festa que já se tornou uma tradição em Pernambuco, e que conta com incentivo da Secretaria de Cultura e da Fundarpe, nesta época do ano, é o Pipoco do São João, que está em sua 6ª edição. O evento acontece em terreiros de maracatus e sítios populares da Mata Norte de Pernambuco. Haverá apresentações de grupos de bacamarteiros, maracatus, forró com trio pé-de-serra, coco, ciranda, entre outras manifestações.

O São João do Pipoco acontece em Lagoa de Itaenga (dias 23 e 28 de junho e 10 de julho), Glória do Goitá (dias 24 de junho e 2 de julho), Goiana (25 de junho). Chão dos Esconços (dia 26 de junho) e Ferreiros (28 de junho).

Renato Spencer\Santo Lima

Renato Spencer\Santo Lima

A programação na Casa da Rabeca é gratuita

Na Casa da Rabeca, o Governo fez parceria para realização da 13ª edição do Forró do Salú – São João da Casa da Rabeca, nesta quinta (23), a partir das 23h. A programação gratuita traz nomes como Mestre Jujuba do Coco, Gilmar Leite, Dudu do Acordeon e Família Salustiano e a Rabeca Encantada.

O Governo do Estado, através da Secult e Fundarpe, incentivam também o IV Encontro das Variantes Culturais dos Bois e Similares de Pernambuco. Vinte e oito grupos de boi de diversas regiões do estado estão na programação organizada pela Federação Cultural dos Bois e Similares (FECBOIS/PE). O encontro acontece neste sábado (25) e domingo (26), em Arcoverde.

Laís Domingues

Laís Domingues

O Boi Faceiro é uma das atrações em Arcoverde

AÇÕES DA SETUREL/EMPETUR

Tradicional nos festejos populares do Brasil, Pernambuco não cansa de surpreender os visitantes todo mês de junho. E no São João 2016 não vai ser diferente. O público que se prepara para passar as festas juninas no Estado terá bons motivos para aproveitar muito mais a estadia. O turista vai contar com o suporte de um hotsite com informações sobre os principais destinos da festa, programação e dicas de roteiros, além dos tradicionais Centros de Atendimento ao Turista (CATs). Outros recursos tecnológicos à disposição do visitante serão os aplicativos Spotify e Telegram.

No Spotify, foi criada uma playlist com muito forró pé de serra, com os mais variados artistas pernambucanos e nacionais, como Luiz Gonzaga, Alceu Valença e Dominguinhos. Já no Telegram, os usuários podem encontrar informações e a programação de São João através do @SJEmPernambucoBot. Nas redes sociais oficiais do “Descubra Pernambuco”, os turistas encontram destinos, dicas de comidas típicas e simpatias do período junino.

Para entrar no clima junino, antes mesmo da festa, oito artistas pernambucanos se uniram para cantar o tema do São João de Pernambuco 2016. A música que dará o tom da festa desse ano foi gravada pelos músicos Petrúcio Amorim, Maciel Melo, Jorge de Altinho, Geraldinho Lins, Santana, Irah Caldeira, Rogério Rangel e Liv Moraes. A versão foi captada em clima de descontração, mas com a característica dedicação à cultura pernambucana de todos. Nenhum dos artistas cobrou cachê de participação no jingle.

Para reunir os detalhes do São João pernambucano em um só lugar, foi criado o hotsite “São João em Pernambuco”. A página apresenta informações para os visitantes que irão passar festejos juninos no Estado. No conteúdo, detalhes sobre a história, programação dos municípios, principais roteiros e informações úteis. O endereço é www.saojoaoempernambuco.com.br.

Com o intuito de atender bem os visitantes que vêm para as festas juninas no Estado, foram instalados Centros de Atendimento ao Turista (CATs) temporários nos principais destinos juninos. Os postos de atendimento fixos foram decorados com o tema da campanha do São João de Pernambuco. Os CATs móveis funcionarão entre os dias 22 a 26 de junho. Os CATs temporários serão instalados em Caruaru, no Polo Cultural, com parceria da prefeitura do município, em Arcorverde, funcionará o CAT móvel (triciclo), na Praça da Bandeira, principal polo de animação junino, das 14h às 23h. Já em Gravatá, o Triciclo ficará no Rei das Coxinhas, na BR 232, das 10h às 17h.

Além dos guias e mapas distribuídos durante todo o ano nos CATs, no período junino os turistas contarão com um material exclusivo com informações da festa. O folder “Pernambuco é todo São João. Aqui a tradição bate mais forte”, estará disponível em todos os Centros de Atendimento ao Turista (CATs) do Estado, além dos totens no Aeroporto do Recife e Terminal Integrado de Passageiros (TIP). A publicação reúne dicas sobre as cidades que possuem grandes festas juninas, telefones úteis, próximos eventos do calendário festivo, além de informações sobre os diversos destinos turísticos do Estado.

“Atualmente, Pernambuco conta com 11 Centros de Atendimento ao Turista, sendo oito permanentes e três temporários, com atendentes trilíngues que ajudam a divulgar os principais destinos de Pernambuco. Além de distribuir informações sobre a festa, aproveitamos o bom fluxo turístico do São João para divulgar os roteiros diferenciados do Estado”, comenta o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras.

< voltar para home