Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Serviço Cultural

Cais do Sertão dedica programação on-line ao Mês da Consciência Negra

Elimar Caranguejo/Secult-PE/Fundarpe

Elimar Caranguejo/Secult-PE/Fundarpe

Nesta quarta-feira (4), o babalorixá e coordenador do Memorial Severina Paraíso da Silva, Pai Ivo de Xambá, é o convidado da faixa Papo de Museu

Cada vez mais integrado com outras instituições culturais, gestores, artistas e acadêmicos, o Cais do Sertão firma boas parcerias neste mês de novembro. Com programação interativa nas redes sociais, todas as atividades no Spotify e Instagram do museu voltam-se ao Mês da Consciência Negra, que tem como ponto alto o 20 de novembro, data celebrada como o Dia da Consciência Negra. O calendário de lives e playlists segue acessível e disponível gratuitamente para os seguidores.

E já nesta quarta-feira (4), o internauta poderá conferir bate-papo com o babalorixá e coordenador do Memorial Severina Paraíso da Silva, Pai Ivo de Xambá. A live do Papo de Museu será transmitida via Instagram no @caisdosertao, a partir das 15h, e mediada pela museóloga do Cais, Rosélia Adrianna.

A programação ganha bis de bate-papo com o Museu de Seridó, nesta sexta-feira (6), às 15h. A faixa semanal foi lançada pelo Cais durante a pandemia e receberá a historiadora e gestora do Museu do Seridó, Vanessa Spinosa, para contar a missão do museu, os desafios trazidos pela pandemia e as ações culturais desenvolvidas pelo espaço ao longo dos anos. A mediação será novamente de Rosélia Adriana.

Para aprofundar ainda mais as discussões em torno dos encontros entre raça e cultura na sociedade, o Cais do Sertão recebe Moabia Ferreira, uma das coordenadoras do ponto de Cultura Centro Cultural Quilombo do Catucá e do Projeto Cultural e Educativo Baobá. A gestora participa de live do Conexão Cais do dia 11, para discutir a missão dos centros de cultura e do encontro entre corpo, teatro e cultura afro-brasileira. A transmissão ao vivo será no iG do Cais, às 15h, com mediação do músico-educador Diogo do Monte.

Já na na semana seguinte, o Museu da Abolição é o convidado da vez. A museóloga da instituição parceira do Cais, Daiane Carvalho, vai dissertar sobre as atividades que desenvolve no centro cultural, que envolve documentação, planejamento e concepção de exposições e segurança em museus. A live será mediada pelo educador Perácio Gondim, na quarta (18), às 15h.

O mês se encerra com live especial sobre o Sítio de Pai Adão. A instituição cultural é a mais antiga casa de culto nagô de Pernambuco, além de ser uma das mais veneradas do Brasil, considerada uma das matrizes da nação de culto afro-brasileiro. Tombada pelo Governo Estadual em 1985, o espaço é o primeiro terreiro que prezou pela perpetuação de suas raízes e funcionou sempre como uma grande comunidade de negros africanos e de seus descendentes.

Durante a transmissão ao vivo, o educador Sandro Santos conversa com o babalorixá Manoel do Nascimento Costa, mais conhecido como Manuel Papai, sobre o espaço e a missão em continuar lutando pela preservação identitária do seu povo e cultura. A live acontece sempre no perfil do instagram do Cais, às 15h.

O mês da Consciência Negra também será lembrado com muita música. As playlists do Spotify do Cais contarão com participação de Moabia Ferreira, do Coco de Catucá, que assinará seleção especial sobre o Coxo em Pernambuco. Já a educadora Thalita Mesquita, do time do museu, compartilha com o ouvinte repertório especial de artistas negros dos Estado. Todas as playlists podem ser acessadas facilmente na plataforma de streaming.

Além da programação online, o Centro Cultural Cais do Sertão, equipamento gerido pela Secretaria de Turismo e Lazer e Empetur, encontra-se aberto para visitação de quinta a sexta-feira, das 11h às 17h, e aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada).

Serviço
4/11 – Papo de Museu com Memorial Severina Paraíso, às 15h, no perfil IG @caisdosertao
6/11 – Papo de Museu com Museu do Seridó, as 15h, no @caisdosertao
11/11 – Conexão Cais com Centro de Cultura Coco de Catucá, também às 15h, no @caisdosertao
18/11 – Papo de Museu com Museu da Abolição, às 15h
25/11 – Conexão Cais com Sítio de Pai Adão, às 15h, no @caisdosertao
Visitação: quinta a sexta-feira, das 11h às 17h; sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada).

< voltar para home