Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

Cultura popular e artesanato

Vencedores do VI Prêmio Hermilo Borba Filho de Literatura apresentam seus livros no dia 15/12

As cinco obras premiadas na última edição da distinção conferida pelo Governo do Estado de Pernambuco, por meio da Secretaria de Cultura, da Fundarpe e da Cepe Editora, serão lançadas em cerimônia oficial transmitida pelo YouTube

Arte/Adeildo Leite

Acontece na terça-feira (15/12) o lançamento dos cinco livros vencedores do VI Prêmio Hermilo Borba Filho de Literatura, oferecido Governo do Estado de Pernambuco, por meio da Secretaria de Cultura, da Fundarpe e da Cepe Editora. O evento terá transmissão online, a partir das 19h, no youtube.com/SecultPE, com participação dos autores. Nos dois dias seguintes (16 e 17/12), também às 19h, os escritores participarão de lives mediadas, para apresentação de cada obra.

Os vencedores foram anunciados no dia 29 de maio do ano passado. Neste ano, o certame premiou cinco escritores, representantes da Região Metropolitana do Recife e da Zona da Mata. O segundo lugar da região da Zona da Mata ficou com Wander Shirukaya, com a obra Na escuridão somos todas iguais. O primeiro lugar da Mata foi de Walther Moreira Santos, com o livro O Último dia da Senhora Stone. Da Região Metropolitana do Recife saíram dois primeiros lugares: João Paulo Parisio, com Retrocausalidade; e Luís Serguilha, com Harmatía. A escritora Jussara Salazar, com a obra O dia que fui Santa Joana dos Matadouros, levou o segundo lugar da RMR. O Grande Prêmio, que é escolhido dentre os premiados, ficou com a obra O Último dia da Senhora Stone, de Walther Moreira Santos.

“É importante destacar que esta edição teve um número expressivo de inscrições de todas as macrorregiões do estado, confirmando a importância de um prêmio que atende à demanda da sociedade civil desde 2012”, afirma o coordenador de literatura da Secult-PE, Roberto Azoubel.

Nessa 6ª edição, a premiação contou com a participação de 162 obras inscritas. O julgamento foi realizado em duas etapas, sendo a segunda a escolha dos vencedores entre 17 finalistas, dos mais diferentes gêneros literários. Os primeiros lugares de cada prêmio recebem R$ 10 mil; os segundos, R$ 5 mil e o Grande Prêmio, R$ 20 mil.
Os títulos vencedores foram publicados pela Cepe Editora com tiragem de 1.200 exemplares, enquanto que os segundos colocados contam com 800 exemplares. A título de direito autoral, cada vencedor ficará com trezentos exemplares do livro e os segundos colocados, 200 exemplares cada.

“O prêmio está em plena consonância com o Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, recentemente chancelado pela Assembleia Legislativa e sancionado pelo governador Paulo Câmara em agosto deste ano. Responde ao eixo 4, de valorização da literatura, que no seu objetivo estratégico 4.1, de fomento público para literatura, prevê o fortalecimento dos prêmios Cepe Nacional, Cepe Nacional Infanto Juvenil, Prêmio Ariano Suassuna de Cultura Popular e Dramaturgia e o próprio Prêmio Hemilo Borba Filho”, detalha Roberto Azoubel.

LIVES

Quem quiser conhecer melhor as obras escolhidas e publicadas pode acompanhar a apresentação dos autores em duas transmissões ao vivo no Youtube. No dia 16/12, participam Walther Moreira do Santos, Jussara Salazar e Wander Shirukaya, mediados por Roberto Azoubel. No dia seguinte (17/12), é a vez de Luís Serguilha e João Paulo Parisio, com mediação de Diogo Guedes, da Cepe Editora.

< voltar para home