Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter
Cultura.PE

Pontos de Cultura

O Programa Cultura Viva foi criado em 2005 pelo Ministério da Cultura com o objetivo de fortalecer o protagonismo cultural na sociedade brasileira, valorizando as iniciativas culturais de grupos e comunidades, ampliando o acesso aos meios de produção, circulação e fruição de bens e serviços culturais, tendo como base os Pontos e Pontões de Cultura.

Objetivos:
• Reconhecer iniciativas e entidades culturais
• Fortalecer processos sociais e econômicos da cultura
• Ampliar a produção, fruição e difusão culturais
• Promover a autonomia da produção e circulação cultural
• Promover intercâmbios estéticos e interculturais
• Ampliar o número de espaços para atividades culturais
• Estimular e fortalecer redes estéticas e sociais
• Qualificar agentes da cultura como elementos estruturantes de uma política de base comunitária do SNC

O Programa Mais Cultura, lançado pelo Governo Federal através do Ministério da Cultura no ano de 2007, marca o reconhecimento da cultura como necessidade básica e direito de todos os brasileiros. Executadas em parceria com municípios e estados, as ações do Programa contemplam a valorização da diversidade cultural, o diálogo com os diferentes contextos da sociedade brasileira e a inclusão de todos os segmentos sociais. No mesmo ano de 2007, o Governo de Pernambuco, através da Fundarpe, assina um convênio com o Ministério da Cultura objetivando dar início à implementação descentralizada do Programa no Estado mediante realização do Projeto Piloto de Pontos de Cultura. O referido Projeto consiste em assistência técnica, desenvolvimento de atividades de integração, acompanhamento e apoio financeiro de R$ 180.000,00 (cento e oitenta mil reais) pelo período de 36 meses a projetos provenientes de entidades da sociedade civil, de caráter cultural ou com histórico de atividades culturais, legalmente constituídas, sem fins lucrativos, que explorem diferentes meios e linguagens artísticas e lúdicas, a serem selecionadas por meio de edital público.

Os Pontos de Cultura são entidades sem fins lucrativos que desempenham o papel de articular ações entre a comunidade e o Estado, visando a preservação de valores culturais, a transmissão de conhecimento e tradições dos grupos de cultura, além de assegurar ações que estimulem a inclusão social, priorizando áreas de maiores índices de violência. A perspectiva dos Pontos de Cultura está muito além do resgate das tradições, da articulação de manifestações populares e da difusão da cultura de raiz. Representa a implementação de uma política pública de cultura que vincula a democratização da máquina pública no sentido da vivência e da identificação da cultura pelo jovem e adolescente estudante de cada comunidade. Neste contexto, essa ação é incorporada às ações de governo na dimensão de experimentação de outros modelos de intervenção na esfera pública, no sentido de empoderamento daquela não reconhecida e massificada pela mídia: a cultura de base e comunitária.