Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

ARTES CÊNICAS

12ª Mostra Brasileira de Dança abre vagas para oficinas gratuitas

Inscrições vão até o próxima quarta-feira (15/7)

Divulgação

Divulgação

Marcos Buiati e Bianca Morena serão uns dos responsáveis pelas oficinas

A 12ª Mostra Brasileira de Dança, que conta com incentivo do Funcultura, inicia sua programação, neste mês de julho, oferecendo quatro oficinas gratuitas, duas delas para iniciantes (numa ação social, sendo uma específica para alunos do Instituto RioMar) e duas outras para artistas em aperfeiçoamento. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas, até dia 15 de julho, no site www.mostrabrasileiradedanca.com.br. As aulas acontecerão de 27 a 31 de julho. A coordenação pedagógica é de Liana Gesteira. Confira as propostas das atividades:

Oficinas de Iniciação
Corpo, Dança e Diferenças, com Márcia Feijó (RJ)
Local: Paço do Frevo (Praça do Arsenal da Marinha, s/n, Bairro do Recife), das 10 às 12h, de 27 a 31 de julho de 2015
Número de participantes: 23 (pessoas que desejam se sensibilizar com a temática do corpo deficiente na dança, ou seja, professores regulares, professores de dança, bailarinos e cuidadores em geral)
Proposta: ministrada por Márcia Feijó, a oficina propõe a consciência corporal para profissionais da dança e da educação que trabalham ou desejam trabalhar com corpos portadores de deficiências. As aulas são voltadas para a sensibilização da linguagem corporal e da dança através da Metodologia de Angel Vianna de Conscientização do Movimento e Jogos Corporais. Um estudo prático sobre as temáticas da diferença.
Sobre a mediadora: Márcia Feijó é Mestre em Educação (UFRJ), Licenciada em Dança (FAV), vice-diretora da Faculdade Angel Vianna, onde é professora da Graduação e da Pós Graduação, sendo ainda professora regular do Ensino Médio no Centro Educacional Anísio Teixeira (RJ).

Iniciação ao Sapateado, com Bianca Morena (PE)
Local: Instituto RioMar (Av. República do Líbano, 251, Pina), das 10 às 12h, de 27 a 31 de julho de 2015
Número de participantes: 25 (inscrições já encerradas, pois foi específica para alunos do Instituto RioMar)
Proposta: sob o comando da bailarina pernambucana Bianca Morena, a proposta da oficina é apresentar os passos básicos do sapateado, uma dança que é puro ritmo! Os alunos sairão dançando o Shim Sham, coreografia internacional do sapateado criada por Leonard Reed.
Sobre a mediadora: Bianca Morena foi integrante do grupo profissional Troupe Dahpé e já atuou como professora de sapateado em diversas companhias e escolas de dança. Em sua formação, estudou com professores como Jason Samuels, Olívia Rosenkrantz, Cíntia Chameki, Steven Harper e Valéria Pinheiro, entre outros mestres.

Oficinas de Aperfeiçoamento
Jazz Dance, com Luciene Munekata (BA)
Local: Teatro Hermilo Borba Filho (Av. Cais do Apolo, s/n, Bairro do Recife), das 9 às 12h, de 27 a 31 de julho de 2015
Número de participantes: 30
Proposta: a oficina busca desenvolver e aprimorar o estilo de Jazz Dance, através de sequências coreografadas, abordando diversas dinâmicas e intenções. A aula trabalha memorização, aperfeiçoamento das sequências, diferenciação de intenções e interpretações, agilidade, experimenta novas possibilidades do corpo e de como dançar em sincronia com harmonia e ou a melodia da música.
Sobre a mediadora: bailarina, professora e coreógrafa, natural de São Paulo, Luciene Munekata atuou no Raça Cia. de Dança (SP), no Ballet do Teatro Castro Alves (BA) e em três edições do Atelier de Coreógrafos Brasileiros. Já lecionou em diversas escolas de dança e foi premiada em vários festivais de dança, promovendo ainda cursos por diversos estados do país.

Corpo Consciente/Corpo Presente, com Marcos Buiati (DF)
Local: Espaço Experimental (Rua Tomazina, 199, 1º andar, Recife Antigo), das 14h30 às 17h30, de 27 a 31 de julho de 2015
Número de participantes: 20
Proposta: oficina de consciência corporal e dança contemporânea que dialoga com os princípios do Sistema Laban/Bartenieff, voltado para o estudo do movimento, reorganização corporal e embasamento teórico-prático de bailarinos e atores. A oficina propõe a vivência e o estudo do movimento como meio de comunicação e expressão, buscando uma conexão consciente do corpo com o espaço-tempo presente.
Sobre o mediador: mestrando em Performances Culturais pela Universidade Federal de Goiás e graduado em Dança pela Unicamp, Marcos Buiati pesquisa o corpo em performance com ênfase em seus aspectos cênico-dramatúrgicos, culturais e antropológicos. Além de docente, atuou na Quasar Cia. de Dança (GO) e Cia. Fragmento de Dança (SP), entre outras companhias.

< voltar para home