Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

O que você procura?
Newsletter

PATRIMÔNIO CULTURAL

Vai começar a VII Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco

Com o tema "Patrimônio cultural: limites, caminhos e inovações", evento vai acontecer em Recife, Olinda e Caruaru. Em respeito ao luto pelo falecimento de Eduardo Campos, algumas atividades foram canceladas ou adiadas.

A preservação do patrimônio cultural, material e imaterial, nunca foi tão discutida no Brasil por diversos grupos da sociedade. Os debates das questões em torno dos mais variados aspectos deste tema encontram espaço dentro da Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco, que acontece em sua 7ª edição, de 17 a 22 de agosto, com ações em Recife, Olinda e Caruaru (confira abaixo a programação completa). Tendo como tema “Patrimônio cultural: limites, caminhos e inovações”, o norte das discussões é a integração entre patrimônio material e imaterial. A Semana do Patrimônio é uma promoção do Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura e Fundarpe.

A programação da semana reunirá atividades que contemplam a diversidade de visões, enfoques, práticas e experiências. A sétima edição está sendo dedicada ao poeta, escritor e dramaturgo Ariano Suassuna. De acordo com a programação original do evento, a abertura oficial, na segunda-feira (18), no Teatro Arraial – espaço criado e inaugurado por Ariano em 1997 – seria de palestra e apresentação artística em sua memória. Após o trágico acidente que vitimou o ex-governador Eduardo Campos e seus assessores, este momento foi adiado para uma nova data, que será definida no decorrer da Semana do Patrimônio.

Outra alteração foi necessária na programação do evento, em respeito ao luto pelo falecimento do ex-governador Eduardo Campos, um dos grandes incentivadores da política de patrimônio no estado. As atividades festivas que aconteceriam no domingo (17), incluindo o Jogo do Patrimônio e o Arrastão do Frevo, com desfile de diversas agremiações pela cidade, foram canceladas. As exposições Pernambuco Vivo, de fotografias, e Acessibilidade e Educação Patrimonial nos Patrimônios de Pernambuco, que seriam abertas também no domingo, na Torre Malakoff, foram transferidas para a terça-feira (19), quando a programação de seminários e oficinas ocorre normalmente.

Para o secretário de Cultura Marcelo Canuto, a Semana do Patrimônio, como parte de uma política pública voltada para este segmento da Cultura, tem ainda o objetivo de ampliar a discussão da importância do patrimônio cultural para a sociedade que, mais recentemente, vem levantando diversos questionamentos do que deve, ou não, ser objeto de preservação. “É uma oportunidade ímpar de se inteirar mais e melhor sobre o assunto”, pontua Canuto.

“Não há como pensar qualquer prática da vida cultural, seus saberes e fazeres, sem os seus suportes materiais, assim também, não há como pensar qualquer edificação ouoc lugar sem vinculá-lo às práticas e significados que o produziram e o significam”, destaca o presidente da Fundarpe Severino Pessoa. Desta forma, a VII Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco propõe pensar os caminhos percorridos (e a percorrer) na prática da preservação do patrimônio cultural a partir da união entre o tangível e o intangível, os aspectos materiais e imateriais da vida sial.

DATA HISTÓRICA – O Dia Nacional do Patrimônio Histórico, que sempre é comemorado em 17 de agosto, marca o nascimento do advogado, jornalista e escritor Rodrigo Melo Franco de Andrade, o primeiro presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan, criado no governo do presidente Getúlio Vargas, em 1937. O evento tem atraído cada vez mais um público variado, não apenas de estudiosos e trabalhadores da área; e se consagrado como um espaço de debates, interdisciplinar e interinstitucional, sobre as mais diversas questões julgadas essenciais para a compreensão das formas de constituição, valorização, reconhecimento e preservação dos patrimônios culturais.

Confira a programação completa da VII Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco:

17 DE AGOSTO

Dia Nacional do Patrimônio Histórico, instituído em 17 de agosto de 1998, em homenagem ao centenário do nascimento de Rodrigo Melo Franco de Andrade (1898/1969), criador do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan

As atividades deste dia foram canceladas, em virtude do falecimento do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos.

18 DE AGOSTO

As atividades em homenagem a Ariano Suassuna, que ocorreriam na parte da manhã, foram adiadas para uma nova data, a ser divulgada, em virtude do falecimento do ex-governador Eduardo Campos.

SEMINÁRIO ARTE URBANA E PATRIMÔNIO: CONVIVÊNCIAS E DESAFIOS 

Local: Palácio dos Governadores – Sede da Prefeitura de Olinda Rua São Bento, 123 – Varadouro, Olinda.

Mesas:

14h às 15h20 – Conceitos e reflexões da academia e da crítica de arte

15h30 às 16h50 – Os artistas, pensamentos e estratégias de quem intervém na cidade

17h30 às 18h50 – Olinda, cidade das artes? a visão de quem vive, produz e visita a cidade

19h às 20h20 – A gestão da Cidade Patrimônio e os desafios da arte urbana

15H – CAMINHADA DO PATRIMÔNIO

Atividade de educação patrimonial com alunos da Escola de Referência Porto Digital

Local: Avenida Rio Branco, Recife

15H – OFICINAS

Local: Salas de aula da UNIFAVIP/Devry (Caruaru)

- Como vejo o bem patrimonial? Experiências artísticas na representação do patrimônio de Caruaru

- A cidade e a poesia:  visões sobre Caruaru

- O patrimônio histórico e artístico nacional para além da repartição: a importância da disciplina ‘Arquitetura no Brasil’

SEMINÁRIO PATRIMÔNIO CULTURAL: LIMITES, CAMINHOS E INOVAÇÕES / CARUARU

Local: Auditório da ACIC, Rua Armando da Fonte, 15,

1º andar – Mauricio de Nassau – Caruaru.

Mesa

19h às 21h30 -  Patrimônio Material e sua importância para a sociedade

Palestrantes:

- Profª. Ms. Laura Alecrim – UNIFAVIP/Devry

- Arq. Neide Fernandes – FUNDARPE

- Profª. Ms. Amanda Casé – UNIFAVIP/Devry

Debatedor: Walmiré Dimeron – Presidente do Instituto Histórico de Caruaru

 

19 DE AGOSTO

9H ÀS 11H30 E 14H ÀS 16H30 – OFICINA DE TRANSMISSÃO DE SABERES

Máscaras de papel marché (Uma turma pela manhã e outra a tarde – vagas limitadas)

Mediador:

- Lula Vassoureiro, Patrimônio Vivo de Pernambuco

Local: Torre Malakoff, Praça do Arsenal da Marinha, Bairro do Recife

9H – VISITA TEMÁTICA – CONHECENDO OS BENS TOMBADOS DO AGRESTE

Locais: Casa de Câmara e Cadeia de Brejo da Madre de Deus e Fábrica Rosa em Pesqueira

Mediadora: Profª. Ms. Juliana Melo – UNIFAVIP/Devry

SEMINÁRIO PATRIMÔNIO CULTURAL: LIMITES, CAMINHOS E INOVAÇÕES / RECIFE

Local: Auditório do Centro do Artesanato de Pernambuco – Av. Alfredo Lisboa, 11 – Bairro do Recife

Mesa:

14h às 17h30 – Instrumentos de Preservação: a salvaguarda numa perspectiva integrada

Palestrantes

- Alessandra Lima -DPI/Iphan

- Profª. Drª. Manoela Rossinetti Rufinoni – Profª. Adjunta da UniFeSP

- Giorge Bessoni – Iphan/PE

15H – OFICINAS

Local: Salas de aula da UNIFAVIP/Devry (Caruaru)

- Conhecendo o patrimônio que não se vê: o patrimônio imaterial de Caruaru

- Feitos e conceitos: É preciso reconhecer a arquitetura moderna pernambucana

- Como vejo o bem patrimonial? Experiências artísticas na representação do patrimônio de Caruaru

- O patrimônio histórico e artístico nacional para além da repartição: a importância da disciplina ‘Arquitetura no Brasil’

SEMINÁRIO PATRIMÔNIO CULTURAL: LIMITES, CAMINHOS E INOVAÇÕES / CARUARU

Local: Auditório da ACIC, Rua Armando da Fonte, 15,

1º andar – Mauricio de Nassau – Caruaru.

Mesa

19h às 21h30 – Patrimônio Imaterial e seu registro: a feira de Caruaru e o Alto do Moura

Palestrantes:

- Maria das Graças Carvalho Villas – IPHAN/PE

- Mabel Neves Baptista – IPHAN/PE

- Prof. Ms. Gustavo Miranda – UNIFAVIP/Devry

- Profª. Drª. Giovanna Araújo – Prof. da UNIFAVIP/Devry

Debatedor: Arq. Lucio Omena

 

20 DE AGOSTO

SEMINÁRIO PATRIMÔNIO CULTURAL: LIMITES, CAMINHOS E INOVAÇÕES / RECIFE

Local: Auditório do Centro do Artesanato de Pernambuco – Av. Alfredo Lisboa, 11 – Bairro do Recife

Mesa:

14h às 17h30 – Os saberes e fazeres dos Mestres Artífices: dificuldades e desafios

Palestrantes

- Profª. Ms. Cristiane Maria Magalhães – Participou do Inventário dos Mestres Artífices

- Amauri Luiz de Queiroz – Mestre de obras e  estuque

- Manuel Barbosa  – Mestre em carpintaria e entalhe

- Roberto Carneiro – Mestre em revestimento azulejar, Restaurador, Fundarpe

19H – EXPOSIÇÃO CARUARU ONTEM E HOJE

Resultado de Oficina de fotografia com alunos da UNIFAVIP

Mediador: Prof. MS. Rodrigo Gonçalves – UNIFAVIP/Devry

Local: UNIFAVIP, Av. Adjar da Silva Casé, 800 – Indianópolis – Caruaru

 

21 DE AGOSTO

9H ÀS 11H E 14H ÀS 16H – NAVEGANDO NO PATRIMÔNIO

Ação de educação patrimonial com alunos da Escola de Referência Porto Digital no barco escola da Prefeitura do Recife ao longo do Rio Capibaribe.

SEMINÁRIO PATRIMÔNIO CULTURAL: LIMITES, CAMINHOS E INOVAÇÕES / RECIFE

Local: Auditório do Centro do Artesanato de Pernambuco – Av. Alfredo Lisboa, 11 – Bairro do Recife.

Mesa:

14h às 17h30  – Frevo: pesquisa, salvaguarda e inovação

Palestrantes

- Carmem Lélis – Secretaria de Cultura do Recife

- Cid Cavalcanti – Presidente, fundador e figurinista do Bloco Carnavalesco Lírico O Bonde

- Eduardo Sarmento – Antropólogo e Gerente de Conteúdo do Paço do Frevo

18H30 – QUINTA NO PAÇO

Apresentação cultural do grupo “Brincadores” – Compassos Cia. de Dança

Local: Paço do Frevo – Praça do Arsenal da Marinha, Bairro do Recife.

19H – ABERTURA DA EXPOSIÇÃO SÃO FRANCISCO SUBMERSO: O LAGO DE ITAPARICA

Exposição de Luiz Netto e Curadoria de Mitsy Queiroz

Local: Casa do Patrimônio do Recife – Sede do IPHAN/PE

Av. Oliveira Lima, 824 (Palácio da Soledade)

 

22 DE AGOSTO

9H30 ÀS 11H30 – RODA DE DIÁLOGO

Patrimônio cultural e gênero

Palestrantes

- Profª. Drª. Lady Selma Albernaz

- Givanilda Maria da Silva (Mestra Gil)

- Wanessa Paula Conceição Quirino dos Santos

(Cambinda Estrela)

Local: Auditório do Centro do Artesanato de Pernambuco – Av. Alfredo Lisboa, 11 – Bairro do Recife

12H – HORA DO FREVO

Apresentações musicais no espaço do Café

Local: Paço do Frevo – Praça do Arsenal da Marinha, Bairro do Recife.

14H30 ÀS 16H30 – RODA DE DIÁLOGO

Patrimônio imaterial e gênero

Palestrantes

- Maria da Cruz Santos (Filha de Ana das Carrancas)

- Arlindo Ramos Pereira Júnior (Raminho da Zabumba, Filho de Arlindo dos 8 Baixos)

- José Guilherme Borges da Silva (Guilherme de Nuca)

Local: Auditório do Centro do Artesanato de Pernambuco – Av. Alfredo Lisboa, 11 – Bairro do Recife

17H – APRESENTAÇÃO CULTURAL COM PATRIMÔNIOS VIVOS DE PERNAMBUCO

- Banda Revoltosa

- Maracatu Estrela de Ouro de Aliança

 

17 A 22 DE AGOSTO

EXPOSIÇÃO ACESSIBILIDADE E EDUCAÇÃO PATRIMONIAL NOS PATRIMÔNIOS DE PERNAMBUCO

Trabalhos selecionados dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e  de Turismo da UFPE e Unifavip

Local: Torre Malakoff, Praça do Arsenal da Marinha, Bairro do Recife.

EXPOSIÇÃO PERNAMBUCO VIVO

Local: Torre Malakoff, Praça do Arsenal da Marinha, Bairro do Recife.

 

17 A 22 DE AGOSTO

 EXPOSIÇÃO O CAMINHO DA IMPRENSA ESCRITA EM JABOATÃO DOS GUARARAPES – CEM ANOS DE HISTÓRIA: 1883-1983

Local: Faculdade dos Guararapes -

Rua Comendador José Didier, 27 -Piedade.

 

19 A 22 DE AGOSTO

EXPOSIÇÃO MATERIAIS CONSTRUTIVOS E FERRAMENTAS TRADICIONAIS

Local: Auditório do Centro do Artesanato de Pernambuco – Av. Alfredo Lisboa, 11 – Bairro do Recife.

< voltar para home